Educação 100% na greve

Publicado em 25 abril, 2017
Compartilhe agora!

A greve geral vai paralisar as escolas das redes pública (municipal, estadual e federal) e particular, segundo os sindicatos.

No Paraná, a APP-Sindicato prevê 100% de adesão ao movimento paredista nos 2,1 mil estabelecimentos de ensino.

A data da greve nacional “coincide” com a passagem do segundo ano do massacre de 213 professores no Centro Cívico, em Curitiba, a mando do governador Beto Richa (PSDB).

O Sindicato dos Professores do Estado do Paraná (Sinpropar) afirma que vai debutar numa greve, pois, desde a fundação da entidade, em 1943, nunca participou de movimento.

Compartilhe agora!

Comments are closed.