Requião detona picaretagem de Richa para reduzir área de proteção ambiental no PR

Na mensagem do Papa Francisco para a Paz de 2017 ele deixa claro sua preocupação com a danificação do meio ambiente. E foi a partir desse ensinamento que o senador Roberto Requião (PMDB-PR) detonou, neste sábado (11), o projeto do governador do Paraná Beto Richa (PSDB) de reduzir a área de proteção ambiental na região de Ponta Grossa — Campos Gerais.

“É um desafio a construir a sociedade, a comunidade ou a empresa de que são responsáveis com o estilo dos obreiros da paz; a dar provas de misericórdia, recusando-se a descartar as pessoas, danificar o meio ambiente e querer vencer a todo o custo”, diz a encíclica papal.

Beto Richa quer reduzir Área de Proteção Ambiental da Escarpa Devoniana, que possui campos de cerrado, formações geológicas, cavernas, furnas, abismos e áreas de mata nativa passaria de 392 mil hectares protegidos para 126 mil hectares.

Para Requião, essa picaretagem beneficiaria as grandes empresas estrangeiras interessadas na concentração da propriedade de terra no Brasil.

“A APA foi criada por mim, no meu governo, permite a atividade econômica, mas evita a atividade predatória e preserva o meio ambiente”, disse.

O senador denunciou ainda que esse projeto está atrelado a financiamento de campanha eleitoral.

O projeto foi apresentado pelo deputado Plauto Miró (DEM) e assinado pelo presidente da Assembleia, Ademar Traiano (PSDB).

A denúncia inicial dessa picaretagem foi feita pelo deputado Péricles Mello (PT).

Resumo da ópera: pela tese de Requião e do Papa Francisco, Plauto Miró e Ademar Traiano queimarão no fogo do inferno no juízo final.

Assista ao vídeo:

Sobre a APA

A APA abrange 12 municípios do Paraná: Balsa Nova, Carambeí, Castro, Tibagi, Piraí do Sul, Lapa, Campo Largo, Porto Amazonas, Ponta Grossa, Jaguariaíva e Sengés.

Na regulamentação, a APA da Escarpa Devoniana, que possui campos de cerrado, formações geológicas, cavernas, furnas e áreas de mata nativa passaria de 392 mil hectares protegidos para 126 mil hectares.

Com informações de Mareli Martins.

Comments are closed.