Jungmann é o porta-voz do Saddam

O ministro da inDefesa Raul Jungmann disse em coletiva de imprensa, nesta tarde, que a capital do Espírito Santo, Vitória, está “voltando à normalidade…”. #SQN

O ministro da inDefesa deu hoje uma de Mohamed Said Al-Sahaf, porta-voz de Saddam Hussein na invasão do Iraque, em 2003, mesmo com a chuva de bombas, dizia que o inimigo invasor seria expulso.

Na época, não só Bagdá caiu como também foi capturado o próprio Saddam e enforcado pelos norte-americanos no final de 2006.

O afoito governo ilegítimo de Michel Temer bateu bumbo ontem (10) para dizer que havia “fechado acordo” para pôr fim à greve da PM que já dura 8 dias. Não era verdade, pois o movimento continua.

A convulsão social se espalha como rastilho de pólvora para o Rio e Pará. Não se expressa somente pela paralisação na segurança, mas também pelos saques famélicos a lojas e supermercados.

O pavio foi acesso quando o governador capixaba Paulo Hartung (PMDB) adotou há sete as medidas fiscalistas que Temer anunciou e que o governador Beto Richa (PSDB) vem adotando no Paraná nos últimos 3 anos.

No Espírito Santo, por exemplo, os policias militares não recebem reajustes há 7 anos. No Rio, os salários, férias, 13º estão atrasados há meses.

Numa ligação telefônica entre colegas, diz a lenda, Richa teria dito em solidariedade a Hartung: “eu sou você amanhã…”.

Comentários encerrados.