Chik Jeitoso em liberdade

O bruxo Chik Jeitoso foi solto neste sábado (11) pela Justiça, que o liberou da fiança de 10 salários mínimos.

O macumbeiro estava preso desde 20 de dezembro, obteve a liberdade sob fiança em 17 de janeiro, mas continuou preso porque não tinha dinheiro.

O bruxo foi preso no fim do ano passado depois de mudar de lado na política.

Jeitoso era Gustavo Fruet (PDT) na eleição de 2012, na eleição de 2014 pulou a cerca: virou Beto Richa (PSDB) e por isso acabou apoiando a candidatura vitoriosa de Rafael Greca (PMN) em 2016.

O bruxo Chik Jeitoso teria previsto a própria prisão, mas ficou receoso de avisar e ser acusado de vazar informação sigilosa e de obstrução a Justiça. Ele garante que nunca errou uma previsão política.

Em nome da diversidade religiosa, Chik Jeitoso é cotado para assumir o cargo de capelão da Prefeitura de Curitiba.

Comentários encerrados.