Beto Richa foge de professora enfurecida em Paranaguá; assista

“Fora Beto Richa e leva o Rossoni junto”. Este foi o grito de guerra de professores que protestaram nesta sexta (10) contra a presença do governador Beto Richa (PSDB) em Paranaguá, Litoral do estado.

“Fora Beto Richa e leva o Rossoni junto”. Este foi o grito de guerra de professores que protestaram nesta sexta (10) contra a presença do governador Beto Richa (PSDB) em Paranaguá, Litoral do estado.

A professora Regina Kuvada foi quem liderou a barulhenta manifestação contra o tucano, que cumpriu agenda no Aquário Municipal (Praça 29 de Julho).

“Leva o [Valdir] Rossoni junto. Ele fica mandando beijo para os professores que estão desempregados”, discursou a professora ao referir-se às corriqueiras provocações do chefe da Casa Civil do governador.

“Já olharam o contracheque da família Richa?”, indagou a professora sobre os supersalários do clã, para logo em seguida ela ser complementada por outro educador: “Eles ganham mais em um mês do que a gente ganha em um ano”.

Na dúvida, o governador Beto Richa resolveu empreender ‘fuga pela direita’ para desviar da enfurecida professora.

Dona Ciroba, professora aposentada, não perdeu a oportunidade de comentar a cinematográfica fuga do tucano: “tem medo, mas não tem vergonha!”.

Neste sábado (11), em Maringá, os educadores realizam assembleia para deflagrar greve por tempo indeterminado contra a intransigência do governador Beto Richa (PSDB), que teima tirar direitos do magistério paranaense.

Abaixo, assista ao vídeo com o protesto contra Beto Richa em Paranaguá:

Comentários encerrados.