Alvaro candidato do “Podemos” em 2018

Compartilhe agora!

O senador Alvaro Dias (PV-PR) é o sonho de consumo do PTN (Partido Trabalhista Nacional), prestes a virar “Podemos”, na disputa pela Presidência da República em 2018.

Reportagem no site Congresso em Foco, relata neste sábado (18) que o “Podemos” quer adotar as redes sociais para catalisar o engajamento político com mais participação, transparência e democracia direta.

A estratégia de mobilização da nova agremiação é do “partido movimento”, isto é, a mesma já adotada pela REDE e PSol, no Brasil, e pelo Syriza, na Grécia.

Segundo o Congresso em Foco, as conversas com Dias ainda estão no começo, mas há muitos pontos em comum entre o que defende o parlamentar e o que pretende o “Podemos”.

A transferência de Alvaro para o “Podemos” deverá impactar na corrida pelo governo do Paraná, haja vista que o irmão dele Osmar Dias (PDT) se coloca como pré-candidato.

Assim como Alvaro, que se vê incomodado num PV sem capilaridade para alçá-lo para o voo maior, à Presidência da República, Osmar também enxerga contradição nessa pretensão presidencial do mano com a candidatura de Ciro Gomes pela legenda pedetista. Afinal, como ir contra o próprio irmão em 2018?

Diante desse dilema, Osmar já arrumou as “trouxinhas de roupa” buscando abrigo noutras plagas. Foi sondado pelo PMDB, mas o projeto deu “Proagro” (deu erra). Dependendo da envergadura do “Podemos”, talvez, o irmão mais novo siga o irmão mais velho.

É a política como ela é sem Photoshop.

Compartilhe agora!

Comments are closed.