Popularidade de Temer é rastejante, diz Ibope

Más notícias para a Dracolândia. O ilegítimo governo de Michel Temer (PMDB) é reprovado por 81% dos brasileiros, segundo levantamento CNI/Ibope.

Apenas 13% consideram “positivo” o governo do peemedebista. (Era 14% em outubro).

A reprovação ao governo do golpista era de 74% em outubro.

A rejeição pessoal ao tinhoso também disparou para 72% (esse índice era de 68% em outubro).

Esse levantamento ainda é “bom” para Temer, pois não captou os vazamentos de delações da Odebrecht que tem sido utilizados como “estacas” contra o vampiro golpista.

A pesquisa CNI/Ibope foi realizada entre os dias 1 e 4 de dezembro e ouviu 2.002 pessoas em 143 municípios brasileiros. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Na segunda-feira (12), o Datafolha apontou que apenas 10% dos brasileiros apoiam Michel Temer. No entanto, a exemplo do Ibope, que é levantamento mais antigo ainda, não retratou a realidade pós-delações da Odebrecht.

Muito provavelmente, Temer deve ter hoje ‘zero’ de aprovação em todas as pesquisas sérias do país. Ou seja, a popularidade do ilegítimo é mais rastejante que bunda de cobra.

Leia a íntegra da pesquisa CNI/Ibope:

http://arquivos.portaldaindustria.com.br/app/cni_estatistica_2/2016/12/16/31/Pesquisa_CNI-IBOPE_AvalGoverno_Dezembro2016.pdf

Comentários encerrados.