Por Esmael Morais

Alvaro Dias: “Sr. Baunilha é uma figura rastejante do governador Beto Richa”; assista

Publicado em 12/12/2016

Nascimento teria chamado o presidente do Tribunal de Contas do Estado Ivan Bonilha de “pupilo” do governador Beto Richa (PSDB) e que o atraso em parecer do órgão para a construção do metrô em Curitiba atenderia aos interesses do Palácio Iguaçu.

“Mais que pupilo [do governador Beto Richa] parece ser uma figura rastejante”, atacou o parlamentar ao discursar sobre a condenação do jornalista em ação movida pelo presidente do TCE.

O jornalista Celso Nascimento, do jornal Gazeta do Povo, foi condenado pelo juiz Plínio Augusto Penteado de Carvalho a 9 meses e 10 dias de prisão substituídos, em função de ter mais de 70 anos de idade, pelo pagamento de multa de 10 salários mínimos, acrescida da suspensão de seus direitos políticos.

Para o senador, o conselheiro afrontou a liberdade de imprensa e a liberdade de informação.

“Não cabe punição ao jornalista que simplesmente cumpriu o seu dever e procurou resguardar o interesse coletivo”, opinou.

“Trata-se de um serviçal do governador e não da sociedade. Seria melhor fechar o Tribunal de Contas do Estado se for para ter conselheiros como o sr. Ivan Bonilha”, continuou o senador verde.

Segundo Alvaro, o processo de Bonilha contra o jornalista é prática de quem tem vocação à censura.

“É um aprendiz de censor em tempos de democracia. Esses filhotes de censores não podem sobreviver no regime democrático”, completou o senador Alvaro Dias.

Em 2010, na condição de coordenador jurídico da campanha de Beto Richa, Ivan Bonilha pleiteou na época a censura de todas as pesquisas de opinião na Justiça.

Assista ao vídeo: