21 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
53 Comentários

Carmén Lúcia vai decidir sobre roubalheira de R$ 100 bilhões para as teles. Vai parar ou deixar seguir?

A presidenta do Supremo Carmén Lúcia vai decidir sobre mandado de segurança, impetrado pela liderança da oposição no Senado, exigindo a votação em plenário da proposta (PLC 79/2016), que garante a doação de patrimônios públicos de até R$ 100 bilhões para empresas de telecomunicação. Leia mais

21 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
83 Comentários

1ª dama da Lava Jato já mora nos EUA

O Blog do Esmael obteve informação exclusiva nesta quarta (21) segunda qual a primeira-dama da Lava Jato Rosangela Wolff Moro, mulher do juiz federal Sérgio Moro, já está residindo nos Estados Unidos. Leia mais

21 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
26 Comentários

Nas vésperas do Natal, Richa vai demitir 38 mil professores no Paraná

Coração de pedra, o governador do Paraná Beto Richa (PSDB) anunciou nesta terça (20) que vai demitir 38 mil educadores contratados em regime PSS (Processo Seletivo Simplificado). Legalmente, o tucano não precisaria fazer tamanha maldade nas vésperas do Natal. Leia mais

21 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
21 Comentários

Golpe no golpe: Líder tucano defende presidenta do Supremo no lugar de Temer

O líder do PSDB no Senado Cássio Cunha Lima (PB) defendeu nesta terça (20), em entrevia à rádio RPN, de João Pessoa, que a presidenta do STF Carmén Lúcia substitua o ilegítimo Michel Temer (PMDB) na Presidência da República. Leia mais

21 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
6 Comentários

Calote no 13º deflagra greve de motoristas de ônibus em Curitiba

Motoristas e cobradores da empresa de Curitiba e região metropolitana entraram em greve na manhã desta quarta (21) devido ao calote no 13º salário. Leia mais

21 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
11 Comentários

Alvaro Dias: Os desafios do novo ano

O senador Alvaro Dias (PV-PR), em sua coluna desta quarta (21), afirma desejar que 2017 seja o ano da Lava Jato e que a PEC da autoria dele, que acaba com o foro privilegiado, seja aprovado pelo Congresso. Alvaro também destaca como pautas a serem retomadas no ano que vem as 10 medidas anticorrupção e cláusula de desempenho dos partidos. Leia mais