Mesmo ‘sem mídia, sem dinheiro e sem governos’, Marcelo Belinati derrotou Beto Richa em Londrina

belinati_richa_orsi_kireeffO médico e advogado Marcelo Belinati (PP) pode ser considerado um fenômeno eleitoral, pois, mesmo sem dinheiro, sem mídia e sem as máquinas administrativas municipal e estadual venceu no 1º turno a eleição para a Prefeitura de Londrina. O maior derrotado? O governador Beto Richa (PSDB).

Eleito com 51,57% dos votos válidos, Marcelo enfrentou a mídia londrinense que tem um viés elitista e preconceituoso; o poder econômico dos empresários que têm negócios com o poder público; o próprio prefeito Alexandre Kireeff (PSD), que ficou com medo de concorrer à reeleição; e o governador tucano que apostou todas as fichas no candidato de seu partido — o empresário Valter Orsi (PSDB).

Ao Blog do Esmael, Marcelo Belinati disse que o povo se cansou da elitização na Prefeitura de Londrina. “Foi uma luta dura, sem mídia, sem dinheiro e com as duas máquinas [estadual e municipal] jogando contra a nossa candidatura”, relatou.

O prefeito eleito adiantou que sua gestão será pautada pelos princípios da transparência e da participação democrática. “Será uma administração voltada para o povo, que é quem precisa da presença do poder público, não será mais focada nos mais ricos da cidade”, prometeu.

Ou seja, Richa e seus aliados endinheirados sofreram uma derrota acachapante em Londrina — o segundo maior colégio eleitoral do Paraná.

Comentários encerrados.