Juiz revoga prisões ilegais de estudantes detidos no ‘Fora Temer, Diretas Já’

fora_temer_prisoesNão há crime algum em protestar pelo Fora Temer e pelas Diretas Já, segundo o juiz Rodrigo Tellini, de São Paulo, que considerou nesta segunda (5) ilegais as prisões dos 26 estudantes detidos antes do protesto deste domingo (4).

Ao todo, 26 estudantes foram presos ontem antes e durante a manifestação pela volta da normalidade democrática. Desses, 18 jovens maiores de idade foram soltos. Oito, menores de idade, ainda continuam custodiados pelo Estado.

Na manhã de hoje, diversas entidades dos movimentos sociais, partidos e parlamentares denunciaram a criminalização do protesto pela antecipação das eleições e, concomitantemente, a saída do ilegítimo presidente Michel Temer (PMDB).

A criminalização das manifestações é um capítulo à parte da luta da velha mídia, pró-Temer, pelo esvaziamento das ruas por meio do emprego da violência policial.

Comentários encerrados.