Bancários dão pontapé inicial na greve geral de todos os trabalhadores do Brasil

greve_geralOs bancários de bancos privados e públicos entraram em greve nesta terça-feira, 6 de setembro, em todo o Brasil. O movimento é o pontapé inicial para a grande greve geral unificada de todos os trabalhadores do país, representados por todas as centrais sindicais.

A categoria dos bancários luta contra o setor que continua sendo o mais lucrativo do país. Os cinco maiores bancos (Itaú, Bradesco, Banco do Brasil, Santander e Caixa) lucraram R$ 29,7 bilhões no primeiro semestre de 2016, mas, por outro lado, houve corte de 7.897 postos de trabalho nos primeiros sete meses do ano. Entre 2012 e 2015, o setor já reduziu mais de 34 mil empregos.

No entanto, o desafio dos bancários é politizar essa greve para extrapole a questão salarial, economicista, uma vez que é o embrião da greve geral de todos os trabalhadores. É preciso que os trabalhadores levantem bem alto a bandeira das Diretas Já, da antecipação da eleição presidencial, e volta da normalidade democrática.

Comentários encerrados.