Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

Requião diz que farsa do impeachment contra Dilma é “simulacro de júri”; assista

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) denunciou o “simulacro de júri” que diz ver no processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff durante seu discurso nesta segunda-feira 29 da tribuna do Senado.

“Não é um golpe contra a presidente Dilma. É um golpe contra a democracia. É o Brasil que está em jogo, não é o mandato de Dilma. Isso aqui é um simulacro de júri!”, disparou.

Ele ressaltou em sua fala que “Dilma não cometeu crime algum” e que “não havendo crime, não há impeachment”. “Estamos comparando dois governos: um deles quer acabar com pensões e aposentadorias. É o Brasil que está em jogo”, afirmou.

Requião atribui o golpe à fisiologia do Senado e diz esperar 31 senadores patriotas e com caráter votem contra a farsa do impeachment.

O senador também dirigiu pergunta a Dilma que certamente constrangeu sobretudo parlamentares do PMDB, seu partido: “Presidenta, algum senador do meu partido, enquanto ministro, reclamou dos atos do governo?”, questionou.

Em sua fala após o discurso do senador, Dilma destacou que “não houve nenhuma pedalada” e que “sem crime de responsabilidade, qualquer processo de impeachment é um claro ataque à Constituição”.

“É um golpe de Estado em novas vestimentas, o chamado golpe de Estado parlamentar”, completou a presidente, lembrando que a Constituição está sendo “rasgada”.

Comentários desativados.