Luiz Abi, primo de Richa, sofre nova derrota na Justiça para o Blog do Esmael

imageO lobista Luiz Abi Antoun, primo do governador Beto Richa (PSDB), sofreu mais uma derrota judicial para o Blog do Esmael. O juiz Diego Demiciano, da 6ª Vara Cível de Londrina, julgou improcedente pedido de indenização do lobista por dano moral.

O magistrado reconheceu que Abi que “a parte autora de fato se envolveu em um caso de grande repercussão e nesta condição se submete a reportagens críticas como a de que tratam os autos.”

Para o juiz, o direito de se exprimir livremente é defendido por nossa Constituição enquanto Estado Democrático de Direito.

“A princípio, cumpre ressaltar que em seu depoimento o autor sequer soube explicar porque o conteúdo da notícia lhe abalou moralmente…”, sentenciou.

Luiz Abi Antoun, o célebre primo do governador, quis censurar o Blog do Esmael acerca de reportagens sobre seu envolvimento nas operações Publicano e Voldemort, ambas do Gaeco, que investigaram corrupção e propina na Receita Estadual e fraude em licitação no governo do estado.

O parente de Beto Richa desejava, também, proibir judicialmente o adjetivo “lobista”, mas, conforme decisão do juiz Diego Demiciano, Luiz Abi “se submete a reportagens críticas” em virtude de seu envolvimento em caso de grande repercussão.

No início de julho, o primo do governador tucano já havia perdido outra ação. Naquela, Abi reclamara da matéria “Procuradoria da República em Curitiba para ouvir Youssef sobre denúncias contra Beto Richa”, publicada pelo Blog do Esmael em 23 de julho de 2015.

No texto, relatava-se com exclusividade que “Indícios apontam que o primo de Beto Richa, Luiz Abi Antoun, seria o elo entre os desvios na Receita Estadual e o doleiro Youssef, que teria a função de ‘lavar’ os recursos desviados para que pudessem ser usados na campanha do tucano”.

Comentários encerrados.