Enio Verri: O golpe atenta muito menos contra Dilma do que os interesses da Nação

enio_temerO deputado Enio Verri (PT-PR), em sua coluna desta terça (16), afirma que o golpe de Michel Temer (PMDB) representa mais perigo concreto para os brasileiros do que ao PT ou à presidente Dilma Rousseff. Segundo o colunista, o governo provisório significa um atraso sem precedentes. Abaixo, leia, comente e compartilhe a íntegra do texto:

A pauta do atraso avança contra a nação

Enio Verri*

Desde o dia 12 de maio, direitos conquistados com suor e sangue dos brasileiros, bem como políticas sociais mínimas vêm sendo desconstruídos, paulatinamente. O primeiro golpe atingiu a Constituição Federal de 1988, submetendo o mérito de uma lei à mera formalidade da sua aplicação. De resto, ficou provado a ausência de crime de responsabilidade da presidenta Dilma Rousseff, tanto nas ditas pedaladas fiscais, quanto na assinatura de decretos de suplementação orçamentária.

Diante da absoluta falta de provas, fica clara a razão dos golpistas pela opção: “conjunto da obra”. A população brasileira deve ter consciência de que o golpe atenta muito menos contra Dilma e o Partido dos Trabalhadores (PT) que aos interesses da nação. Um governo instalado sem o voto popular não tem compromisso com qualquer programa de governo, pois não tem relação alguma com os eleitores e nem com as demandas de desenvolvimento do País.

Nesse sentido, o governo interino coloca em andamento a aprovação e aplicação de pautas, cujos conteúdos vão ao encontro, apenas, aos interesses de uma elite, para quem Temer governa. Qual compromisso com o desenvolvimento de um País que tem um governo que corta 45% dos investimentos em universidades? Corta bolsa de estudos no exterior para graduandos? Que suspende financiamento de moradia para famílias com renda per capta de até R$ 1,8 mil, para financiar imóveis de até R$ 3 milhões?

Qual compromisso com o bem-estar da população de um presidente aposentado aos 55 anos, que propõe aposentadoria aos 62 e 65 anos, respectivamente, para mulheres e homens, quando a expectativa de vida em vários estados varia entre 66 e 68 anos? Um governo que, sem um estudo comprobatório sério, corta 30% dos auxílios-doença, atingindo mais de 250 mil beneficiários?

O provisório Temer entende como sinal de progresso e desenvolvimento o pronunciamento do seu ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, segundo o qual, a presidenta Dilma gastou demais com educação e saúde. Porém, desse mesmo ministro não se encontra um único comentário sobre os cerca de R$ 520 bilhões sonegados, anualmente, do Brasil.

Meirelles não comenta os 45% do Orçamento da União, mais de R$ 500 bilhões, que são destinados anualmente aos bolsos de rentistas detentores de títulos do Tesouro Nacional. Outro dado jamais ouvido pela equipe de Temer é o fato de o Bolsa Família custar apenas 0,4% do PIB. Cada R$ 1,00 investido no BF, R$ 1,78 volta para composição do PIB. O pagamento de Benefícios de Prestação Continuada (BPC) custa 0,6% do PIB e, a cada R$ 1 investido, R$ 1,19 retorna ao mercado para compor o PIB.

À medida que se aproxima a votação final do golpe disfarçado de impeachment, o governo endurece ainda mais em medidas que inviabilizam um Brasil, minimamente, desenvolvido e com justiça social. A presença de vários segmentos profissionais da carreira pública, na Câmara dos Deputados, entre os dias 02 e 09 de agosto, foi fundamental para dificultar a aprovação do PLP 257/16.

Agora, mais do que nunca, é necessária a presença de toda a população, segmentos profissionais e sociais, no Congresso Nacional. A última votação do golpe, no Senado, está marcada para o dia 25/08. Sem o apoio da população será impossível impedir, tanto o golpe contra a democracia e à CF-1988, quanto a aprovação das PEC 241 e MP727. A primeira, asfixia o Estado até o seu desaparecimento. A segunda, retoma a Lei 9.494/97, do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que institui o Programa Nacional de Desestatização, por meio do qual foi possível aos neoliberais entregar o patrimônio brasileiro ao estrangeiro.

*Enio Verri é deputado federal, presidente do PT do Paraná e professor licenciado do departamento de Economia da Universidade Estadual do Paraná. Escreve nas terças sobre poder e socialismo.

12 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. O Golpe tem várias vertentes e por mais paradoxal que possa , além da principal emanada do Departamento de Estado, teve a fraqueza da Direcão Partidária, a falta de coragem da Dilma em reagir aos ataques perpetrados pela Mídia Tapuia e acreditem………, a própria omissão do Lula………………………….., que do peso da sua imagem não saiu em socorro não da Dilma……………., mas da própria Nacão diante da prea dos Entreguistas……………………..!!!!!

    • Agora só nos resta juntar os cacos e exigirmos uma refundacão e/ou um expurgo no Partido…………………..!!!!!! Fizemos muito mal à Nacão, no medo de melindrarmos a Direita………………….!!!!!

  2. Fora cambada! Impeachment legal e legítimo sem golpe. Votado e aprovado na Câmara do Deputados com direito a ampla defesa e ao contraditório. Discutido e igualmente defendido no Senado Federal. Só falta a formalização do afastamento definitivo da ex-presidANTA é caterva.

  3. DILMA E LULA ,CRIOU-SE UM FUTURO QUE FOI SUJO PELOS CORRUPTOS GOLPISTA QUE ROI AS GRANDES EMPRESAS DE TODO PAÍS…RESPOSTA DA JUSTIÇA NADA MADA MERDA DE JUSTIÇA CORRUPTA,NÃO COMO DISSE LULA ACOVARDADOS ELES SÃO COVARDES,E CORRUPTOS CARA DE PAU.EXEMPLO DE IMPUNIDADE,O SANTO aécio NEVES da CUNHA ,LADRÃO , MAS E FICHA LIMPA E DIPLOMADO senador DO BRASIL,VOCÊ AINDA ACREDITA NA LEI FICHA LIMPA ,E NA FALÇA JUSTIÇA ELEITORAL DO PAPEL,E DAS PROPAGANDAS DA TV,VERGONHOSO.

  4. Um golpe sujo,para porcos que revira lixo para se esconder das falcatruas do passado,o golpe sempre foi meramente um pretexto inicial que deu certo com o apoio dos corruptos ladrões apoiado pelos acovardados do STF DE GOLPISTA EM SUA MAIORIA, EXEMPLO DE PRIMEIRA GILMAR MENDES GOLPISTA BOCA SUJA,VERGONHA.

  5. Querem convencer quem que é golpe? Não há golpe. É impeachment legal e legítimo. Golpe foram os mais de doze anos de incompetência é corrupção dos desgovernos Lula/Dilma.

  6. Caro Esmael,

    Por que não faz BO contra os fascistas?
    Isso nunca foi e nunca será contraditório.
    Agressão e xingamento não são contraditórios, ofendem e emporcalham o blog.

    Nao criam debate, pois nao colocam informacões. Não se interessam pela verdade.

    Afastam pessoas melhores.

    Nota: no Tijolaço ha matéria interessante sobre energia. Midiotas não se importam que o preço da agua aumente no Tunganistao, justo quando não há agua. Mas xingam que a energia aumente na seca no governo Dilma. Um dos poucos argumentos dos fascistas.

    Não mencionam que os Governos dos Ricos Ignorantes e ladrões nunca copiaram as eólicas, já velhas nos EEUU. Se é que as conheciam.

    Foi preciso aguardar quarenta anos até que viesse o governo do PT para inventar a roda, ou Eólicas.

  7. Continuam com o mesmo chororô???? Mas te acalme deputadozinho, ainda faltam muitos corruPTos para serem presos, vais ter muito tempo e lágrimas pra derramar!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  8. Essa bosta de deputado vota sempre contra o parana e ainda tem coragem de falar em golpe tropa de vagabundos.

  9. Enio bosta de bosta de merda de verri=porra nenhuma

  10. A manutenção do emprego formal nas privadas privatizadas foi de apenas 10% do que era antes da privataria. Um numero menor de pessoas foi mantido, pois havia algum cabide do PMDB e PSDB, mas através de Terceirizadas, em geral de propriedade oculta das mesmas Privadas. Houve aumento do horário além de 8 horas e rebaixamento de salarios . A mídia blinda o assunto.

    • Então temos em pleno século XXI a enganação do AJUSTE FISCAL E DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA toma forma. Restando aos seus propositores chamá-los de
      ” NOVOS COVEIROS DO SEXAGENÁRIO” parafraseando Nabuco.
      NÃO VAMOS PAGAR ESSA CONTA!!!!!
      GREVE GERAL!!!!!!
      FORA TEMER E SEUS ASSECLAS ENTREGUISTA!!!
      ACORDA BRASIL!!!