Cristovam Buarque disse que ainda pode mudar o voto; assista ao vídeo

O senador Cristovam Buarque (PPS-DF) afirmou neste sábado (27) que ainda poderá mudar o voto até a próxima terça-feira (30), quando o plenário apreciará o impeachment.

Buarque disse que hoje daria o voto pelo impeachment, mas fez uma condição: “a não ser que acontece alguma coisa entre hoje até terça-feira”.

O senador concedeu a entrevista ao repórter César Setti, da TV Resistência, na manhã deste sábado (27).

Depois da fala no Senado, na segunda (29), a expectativa é que Dilma Rousseff amplie de 31 para 40 votos contrários ao golpe.

cristovam_buarque

Comentários encerrados.