Por Esmael Morais

Apesar da censura da Globo, venceu o “Fora Temer” na Olimpíada do Rio 2016

Publicado em 21/08/2016

Os torcedores conseguiram driblar a censura com muita criatividade para expressar sua rejeição ao golpe perpetrado pelo interino Michel Temer (PMDB).

Não é demais recordar que o usurpador levou a maior vaia que se tem notícia na humanidade durante a cerimônia de abertura.

Os “memes” espalhados nas redes sociais ao longo da competição retrataram bem esse momento crítico que vive o Brasil. O mundo pôde ver e perceber que há um golpe em curso no país.

Neste domingo (21), na maratona que antecede ao encerramento da histórica Olimpíada haverá novos protestos com cartazes de “Fora Temer”.

Também é importante frisar que os atletas medalhistas brasileiros, todos eles, exaltaram a presença dos governos Lula e Dilma em sua vida e na conquista do pódio. São reconhecidos programas como “Segundo Tempo”, do Ministério do Esporte, ou o apoio das Forças Armadas, que abriram seus equipamentos para o alto rendimento. Tudo como política de Estado.