O golpe de Temer subiu no telhado (outra vez)

temer_golpeSegundo todos os institutos de pesquisas — menos o Datafolha e o site chapa-branca O Antagonista, por óbvio — registram que o golpe do interino Michel Temer (PMDB) subiu no telhado.

Apenas 6% dos brasileiros aprovam o golpista; 70% querem novas eleições; a popularidade de Dilma subiu; a desconfiança no governo provisório aumentou.

O golpe de Temer subiu no telhado ao ponto que ele, para criar factoide, convocou a imprensa para registrá-lo buscando o filho numa escola cuja mensalidade é de R$ 4 mil. A ideia era melhorar a popularidade…

Domingo, dia 31, os brasileiros voltarão às ruas para exigir Michel Temer caia fora já dali.

No dia 16 de agosto será a vez de toda a classe trabalhadora, em assembleia geral promovida pelas centrais sindicais, dizer “Fora Temer” e convocar greve geral contra o golpe de Estado e pelos direitos trabalhistas e sociais.

Comentários encerrados.