Judiciário na mira da Lava Jato

moro_temer_morenoNão se fala de outra coisa nos bastidores aqui na República de Curitiba e em Brasília. Juízes e ministros do Supremo e STJ seriam alvo de delação de advogado na Lava Jato.

Quem revelou isso primeiro foi o jornalista Jorge Moreno, colunista d’O Globo, considerado porta-voz informal do interino Michel Temer (PMDB).

O Blog do Esmael já havia percebido um pequeno ruído entre mídia e judiciário, parceiros de golpe numa jornada que dura mais de uma década.

Abaixo, leia a nota de Moreno:

Bomba! Bomba!

Renomado advogado, considerado um dos melhores do país, soube que estava na mira das investigações.

Não pensou duas vezes: procurou investigadores para oferecer tudo que sabe sobre o Judiciário — e relatou detalhes das relações nada republicanas com integrantes do Superior Tribunal de Justiça e também do Supremo Tribunal Federal.

Detalhe: entregou nome de ministros.

Quem teve acesso ás negociações diz que não vai sobrar pedra sobre pedra quando a delação for fechada.

Comentários encerrados.