Por Esmael Morais

Hoje é dia de “Fora Temer” em todo o país

Publicado em 31/07/2016

O protesto de hoje é contra as perdas trabalhistas (salário, previdência, liberdade sindical) e conquistas sociais (saúde, educação, programas de distribuição de renda). É contra o neoliberalismo, o desemprego em proporções dantescas.

O “Fora Temer” também é em defesa da Nação, contra a privatização da Petrobrás cujo processo já começou com a recente venda do pré-sal Carcará, em Santos, pela bagatela de US$ 2,5 bi quando estimava-se em US$ 25 bi o valor do poço. Ou seja, o pré-sal está sendo doado a preço de bananas. Esse dinheiro está sendo subtraído da educação para pagar juros aos banqueiros.

A vencedora do leilão foi a estatal norueguesa Statoil. (Note que no Brasil a mídia entreguista e corrupta demoniza a estatal Petrobras).

Portanto, o “Fora Temer” neste domingo tem o sentido da defesa da soberania, da democracia, dos direitos sociais e econômicos, enfim, de uma sociedade justa, fraterna e igualitária.

Em Curitiba, a manifestação concentrar-se-á às 15 horas na Praça 19 de Dezembro — a Praça da Mulher Nu –, nas proximidades do Shopping Mueller.