Por Esmael Morais

Bancada federal se rebela contra calotes de Beto Richa, e fica do lado dos professores

Publicado em 08/07/2016

Aliel Machado (Rede), Assis do Couto (PDT), Christiane Yared (PR), Enio Verri (PT), João Arruda (PMDB), Marcelo Belinati (PP) e Zeca Dirceu (PT) tiveram coragem de dizer “não” para mais um calote de Richa.

Pois bem, parte da bancada na Câmara cortou o mal pela raiz votando contra o pedido de urgência para a matéria — pedida pelo interino Michel Temer (PMDB). Portanto, a primeira derrota do golpista também significou uma derrota no caloteiro Beto Richa.

Ou seja, Temer quer que educadores e servidores públicos paranaense paguem parte da conta do impeachment.

O deputado João Arruda gravou um vídeo sobre essa questão logo após a votação; assista abaixo: