Requião leva ao plenário do Senado proposta de plebiscito para antecipar eleições; assista

roberto_requiao

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) propôs nesta quinta-feira (9), no plenário, um programa de transição para o país, prevendo medidas urgentes nas áreas econômica e política.

O programa seria adotado no espaço de tempo entre a derrubada do processo de impeachment no Senado, a convocação de um plebiscito para decidir a realização ou não de novas eleições, o novo pleito e a posse do novo presidente. Abaixo, assista ao vídeo:

Nesse meio tempo, explicou Requião, a presidente Dilma comandaria um governo de transição, concentrando ações para uma virada na economia, substituindo os pressupostos neoliberais hoje vigentes por uma política econômica anticíclica.

O senador lembrou que, mais um a vez, na contramão da história, o Brasil é um dos países que ainda adota o tripé conservador das metas do superávit, da inflação e mantém o câmbio flutuante. “O Brasil está dando asilo a um projeto que faliu no mundo todo e que até o FMI vê com reservas”, afirmou o senador.

24 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Senador Requião mostra uma compreensão total do momento atual do Brasil merecendo o apoio incondicional do povo brasileiro. Tem estofo, experiência para ser Presidente do Brasil

  2. cartierbraceletlove Плагин работает только с открытыми сайтами. Если ваш сайт находится на локальном сервере, вы должны перенести его на рабочий хостинг.
    boucle d oreille van cleef faux

  3. A big thank you for your blog post.Really thank you! Really Cool.
    imitazioni gioielli bulgari [url=http://www.bzero.cn/it/]imitazioni gioielli bulgari[/url]

  4. I just want to mention I am newbie to blogging and really liked this page. Almost certainly I’m want to bookmark your blog post . You amazingly come with remarkable writings. Cheers for sharing your blog site.

  5. Se a presidenta Dilma for absorvida pelo senado ela não tem mais clima para governar a melhor saída é sim realização de um plebiscito para que o povo decidida e de acordo com o resultado o governo covoque nova eleição ou não com uma ressalva, os políticos envolvidos em corrupção não pudessem concorrer o pleito eleitoral o discurso do senador Roberto Requião do PMDB do PR pode está no caminho certo sim para Brasil melho

  6. O povo difícil de contentar. Se fica a Dilma reclamam, se fica o Temer reclamam, se alguém propõe um plebiscito para uma nova eleição, reclamam. Já pararam pra pensar quem são os políticos que aí estão, seu passado e principalmente o que fizeram de bom pro país e para nós? Acho que a única saída é uma nova eleição, mas cabe aos brasileiros votarem corretamente, sem pagar favores ou pra receber benefícios ou por obediência a partidos políticos. Precisamos mas seriedade na politica e mudança de pensamentos, precisamos escolher o nosso lado o lado do povo, da nossa família, do nosso emprego, por escolas de qualidades pra essa juventude, por atendimento de saúde de qualidade pra todos. Enfim temos que procurar analisar os candidatos sem paixões e escolher os mais honestos com ficha limpa, só assim conseguiremos mudar a politica do Brasil. Não adianta reclamar se continuarmos votando em quem rouba o nosso dinheiro, roubou é carta fora do baralho. Não vou defender bandido.

  7. Parece que o pessoal dos dois lados “petralhas e coxinhas” não estão entendendo o problema que estamos.
    O governo Temer nem privatizar ele vai conseguir, já na primeira tentativa de PPP não apareceu ninguém, logo dinheiro de fora não vem, salvo se venderem a menos que preço de banana.
    Temer se demonstrou um inapto, comprou brigas que simplesmente não tinha a mínima necessidade de comprar e neste curto período de tempo mostrou uma ineficiência antológica.
    Dilma, mesmo que não seja afastada, a capacidade dela governar é muito baixa, melhor do que o Temer, mas não consegue neste cenário fazer qualquer coisa.
    O que sobra? Nada, e o país indo para o buraco.
    A sugestão de Requião é simples, coloca a Dilma como gerente de massa falida (o que ela sabe fazer muito bem) a partir de obrigações pré-pactuadas, chama o plebiscito, elege todo mundo de novo (agora o brasileiro vai tomar mais cuidado no seu voto) e coloca a bola no meio do campo, sem petralhas nem coxinhas, somente brasileiros eleitores.
    Vocês imaginaram a oportunidade de mandar toda aquela corja de safados para casa?

  8. Como perderam por maioria de votos a favor do impeachment, agora querem mudar as regras do jogo propondo eleições antes do tempo. Bem ou mal, o vice eleito pelos petistas deve assumir e permanecer até as eleições de 2018. De resto é torcer pra que a gestão seja menos incompetente e corrupta que o da Dilma e do Lula.

    • Como assim?

      Nem foi votado.

    • Apartidário, não adianta torcer para que a gestão do corrupto Temer ser menos incompetente, pois sua equipe está cheia de corruptos como ele e só estão interessados em ferrar o povo. Se você fala assim é porque não deve ser assalariado, porque se for vai se ferrar com a maioria do povo.

  9. Vi o vídeo do discurso do admirável Senador Requião. Nunca perco uma intervenção dele no plenário do Senado, mesmo que seja só um aparte. Concordo com tudo que ele disse e, repetindo o que venho sugerindo, ele seria o Ministro da Fazenda ideal ao lado do competente e experiente economista Paulo Nogueira Batista no BC e a criação de uma comissão de auditoria da “dívida” comandada pela Maria Lúcia Fatorelli. O caso do Equador, se não me engano, que auditou sua “dívida pública”, com Fatorelli participando, foi emblemático pois bastou a auditoria para os supostos “credores” correrem para negociar com o governo aceitando, em muitos casos, muito menos do que esperavam receber. Mais ou menos como Néstor Kirchner fez na Argentina.
    O único reparo que faço no discurso do Senador Requião é que seria humanamente impossível a qualquer governante cumprir tão extensa e complexa agenda que demandaria negociações trabalhosas, pois para destruir o que foi feito em muitos anos, como os golpistas fizeram em 15 dias, é muito mais fácil do que construir ou reconstruir o pouco que foi conquistado a duras penas.

  10. Este pais vai continuar burro por muito tempo se antas desse tipo como palpiteiros burros,não concordam com as COLOCAÇÃO do Senador ROBERTO Requião,afinal senador tem este poder encontrar avaliar apontar um caminho isso Requião sempre demostrou não se mede palavras para tentar apontar um caminho Já os burros `palpiteiros pensa se não faz e não falam são criticados então REQuiÃO tem muitas RAZÃO deixe o senador DAR SUAS IDÉIAS ***PLEBISCITO já.

  11. isso e FALTA de JUSTIÇA e falta de PUNIR agora o que impera e a IMPUNIDADE isso e falta de justiça de CARÁTER.

  12. FORA TEMER GOLPISTA…
    Esse requião é do PMDB, do partido traidor, ele está indo com muita sede ao pote. Uma eleição agora seria outro golpe, ele só esta vendo seus interesses. Essa perseguição dele por outra eleição já cansou. Muda esse discurso ou vai ficar com a turma da quadrilha.
    VOLTA QUERIDA!

  13. Esmael;

    O grande Requião está estranhamente sendo duro com a Dilma e aliviando para o golpista, safado do temer. Isto ficou claro neste discurso.
    Recentemente já após o golpe ele se declarou amigo do verme golpista temer. O que que é isto Requião???

    Só o senhor esta vendo o incoerência no “volta querida”. O povo está lutando pelo retorno a democracia que só será alcançado com a volta de Dilma e eleições em 2018. Toda outra alternativa é GOLPE.
    Não tenho nenhuma dúvida que em ela retornando todos os pontos elencados pelo senhor serão aplicados. Não por serem recomendados pelo senhor mas por serem óbvios, principalmente depois que cair a máscara dos golpistas: mercado, mídia, judiciário corrupto e hipócrita, igrejas sem exceção (umas por interesse mercantilistas e a outra por omissão e hipocrisia) sem contar o parlamento, que hoje é o maior conglomerado de corruptos, ladrões, cínicos, bandidos e traidores.
    O slogan criticado pelo senhor volta querida é simplesmente um slogan e o senhor malandramente o tomo como uma bandeira.
    O senhor esqueceu ou propositadamente omitiu eleições para o parlamento também?
    Se o senado não rejeitar o afastamento da Dilma não precisaremos de seus 30 senadores. O povo tomará o Brasil na unha.
    Fora temer, fora áulicos, fora corvos aproveitadores.
    Genaro

  14. Eu voto no Ceará, mas gostaria muito de pelo menos uma vez votar no Paraná, para ter a honra de, pelo menos uma vez, votar no senador Requião. Um homem que tem um amor imenso pelo Brasil.

    • Graça Vieira, estas tão distante do nosso amado Paraná e desta distância toda você não consegue ver e nem saber como é o tal senador que enalteces. Requião é adepto a velha política de cabresto (bem ao estilo dos velhos coronéis do nordeste), pelo poder este velho louco é capaz de fazer tudo, inclusive acabar com a reputação de pessoas e famílias inteiras. Não se iluda achando que este maluco é confiável, pois não é e quem mora no Estado do Paraná sabe disso, tanto que preferiram reeleger um tal de Beto Richa e não conduzi-lo novamente ao cargo de governador.

    • Eu já tenho a honra de votar no Paraná e já votei no Requião várias vezes. Ele foi o melhor governador que o Paraná já teve. Humano, entende das coisas, foi ótimo para a educação, valorizou o magistério. Quem sabe você votará nele para Presidente da República. Garanto que o Brasil estará muito bem representado.

  15. Sempre fui um fiel eleitor de Requião, mas parece que tá dando “fadiga do
    material” no senador.
    1º Seja quem for o merda do presidente, precisamos que o Congresso pare
    com a sua briga intestina com o Executivo e entre si.
    2º Hoje temos que cuidar urgentemente da economia do Brasil, e estancar
    essa hemorragia financeira e septicemia inflacionária.
    As vitaminas e a fisioterapia vem depois, e NÃO antes da cirurgia e do
    antibiótico.
    3º Nova matriz econômica desenvolvimentista, política econômica anticíclica,
    bla-bla-blá, já foram praticadas a partir do 2º mandato de Lula, e aonde nos
    levaram?
    E aonde a sua repetição nos levará agora?
    4º Dilma comandando um governo de transição, com esse Congresso de
    babuínos, conforme vi nos noticiários ontem na comissão de cassação do
    Cunha?
    “Vossa Excelência é um pilantra, e Vossa Excelência é um filho d’uma égua”!
    Que tal senador, o que achou do nível só pra começar?
    Certas palavras são impublicáveis.
    Só se quisermos instaurar a bandalheira e o caos no país, e talvez até
    fracioná-lo, então a sua solução tem lógica. Lógica perversa, é claro!
    Não entendo como o senhor que em 8 anos como governador, sempre foi
    independente em relação a Lula, virou agora fiel escudeiro de Dilma?

    • Fácil explicar a sua última pergunta!!! Pede a ele que carguinho o irmão estava ocupando antes da queda da Dilma??? Acham mesmo que este velho louco comedor de mamonas dá ponto sem nó??? Que ele está brigando com Deus e o mundo (inclusive com o seu partido) para defender Lula e Dilma, por acreditar no governo do PT???? Requião é o legítimo político de carteirinha, daqueles que tenta passar o cargo dele para o sobrinho, depois para o filho e quem sabe daqui alguns anos para um neto (a menos que o guri meigo não consiga “ter” filhos). kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • Olho vivo, somente o olho duvido da inteligencia da ética e da moral, você combate uma pessoa inferindo todo tipo de preconceito promovendo uma ilegalidade. Acredito que só o faz por que tem a rede para se esconder. Não merece respeito.

  16. Esse Requiao esta completamente fora da realidade! Ele é sua família sempre foram sustentado pelo Estado, não sabem o que é pagar aluguel, gasolina, comida, funcionários, impostos etc procurem carteira de trabalho dele, dos filhos e irmãos, se tiverem (vai estar em branco) esse senhor só quer garantir mais uns 4/5 anos de mordomias. SAI SATANÁS

    • Beto Rocha tem metade da idade e é muito pior. É tempo de defenestrar antes que passe a vida na política. O que acha?

  17. Concordo com eleições para o congresso e o judiciário.
    Dilma fica.