Requião denuncia compra de votos no Senado; mídia golpista fica ensandecida

temer_golpe_requiaoCom objetivo de chantagear o Senado e eliminar resistências contra o golpe de Estado, a mídia bandida agora mira o senador Roberto Requião (PMDB-PR).

Nesta segunda-feira (27), O Antagonista, que atende ao interino Michel Temer (PMDB), tenta cumprir missão dada para tirar o experiente Requião do combate, mas se deu mal:

“Canalhice do antagonista Manhattan Conection me calunia porque sou nacionalista e defendo meu pais.Sou impermeável a este tipo de patifaria”, tuitou parlamentar.

Requião utilizou o adágio segundo qual quando o cachorro morde alguém, não se bate no cachorro. Bate-se no dono do cachorro, no caso Temer. E foi isso que o peemedebista fez.

O senador paranaense acusou Temer de comprar votos no Senado.

“O Temer está comprando a bancada. É uma compra explícita de apoio”, denunciou Requião.

Segundo levantamento do próprio Palácio do Planalto, Temer tem apenas 38 votos para o golpe no Senado. São necessários 54 para afastar Dilma, por isso o desespero e a violência.

Durante o fim de semana, a mídia bandida também tentou anular a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) ao prender o marido dela, ex-ministro Paulo Bernardo. No entanto, o tiro saiu pela culatra, pois ela obteve solidariedade suprapartidária no Senado.

Comentários encerrados.