Gleisi Hoffmann: O Brasil dos políticos, o Brasil do “Fora Temer” e a decisão do povo

Gleisi_Fora_TemerA senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), em sua coluna desta segunda-feira (20), resgata o que representou o movimento de 2013 nas ruas brasileira e, a partir daí, faz um paralelo com 2016, onde se protesta contra a cultura do estupro, contra o enfraquecimento das escolas públicas, contra os homicídios dos jovens negros e pobres, pelo fim desse golpe, o “fora Temer”, fim dos retrocessos, garantia dos direitos.

A colunista reforça a tese segundo a qual governo e Congresso atuam “descolados” da realidade do Brasil real porque as forças políticas sequer entendem o que dizem os manifestantes que ocuparam as ruas.

“Queremos o fim desse golpe, o “fora Temer”, fim dos retrocessos, garantia dos direitos. Mas isso só será possível, novamente, quando a política estiver perto do povo. Para isso, ele precisa decidir!”, escreve Gleisi. Leia, comente e compartilhe a íntegra do texto abaixo:

O Brasil da política e o Brasil real

Gleisi Hoffmann*

Estava na Casa Civil da Presidência da República quando em julho de 2013 o Brasil foi às ruas reivindicar melhorias nas políticas públicas, transporte urbano gratuito, mais saúde e educação.

Acompanhei as medidas tomadas pela presidenta Dilma, que dentre todos os governantes foi praticamente a única a ter coragem para dialogar com aquele movimento. Isso, com certeza, trouxe grande responsabilidade para ela, inclusive o desgaste político que começou a se acentuar.

Entre as ações apresentadas, implantou-se o Mais Médicos, foram contratadas e construídas mais de seis mil creches, o FIES foi ampliado, desonerou-se os tributos do sistema de transporte coletivo para impedir o aumento das tarifas, mais recursos foram colocados para obras de infraestrutura para o transporte público, ampliou-se o Minha Casa, Minha Vida.

Passado o tempo, a população colocou em sua pauta o combate à corrupção e apoio à operação Lava Jato. A direita do país, sua elite, fortemente apoiados pela imprensa, aproveitaram-se da situação para criar clima e concretizar um processo de impeachment sem base constitucional, afastando a presidenta legitimamente eleita do poder.

Além de tentar “conter a sangria” das investigações, como dito e repetido em gravações de senadores aliados do governo interino, o outro motivo para o impeachment foi alterar o programa de governo e reduzir as políticas públicas em benefício de despesas financeiras e do mercado, o que é flagrantemente contrário ao movimento reivindicatório de 2013.

É isso, exatamente, o que faz a Proposta de Emenda Constitucional que Michel Temer mandou ao Congresso Nacional nesta semana, estabelecendo teto de gastos no orçamento da União, que não poderão crescer, de um ano para outro, mais do que a inflação do período.

Nunca é demais lembrar que o efeito prático dessa proposta, se fosse aplicada dos anos de 2006 a 2015 para as ações de Saúde, R$ 178 bilhões teriam deixado de ser investidos. No caso da Educação a perda seria de R$ 321,3 bilhões. Isso sem falar das medidas que virão para desestruturar o sistema previdenciário e acabar com os reajustes reais do salário mínimo.

A população já começou a perceber o que está acontecendo e volta às ruas protestar, não só por conta das perdas objetivas que virão mas também por direitos e avanços conquistados que também estão na pauta dos retrocessos.

O Brasil que está protestando contra a cultura do estupro, contra o enfraquecimento das escolas públicas, contra os homicídios dos jovens negros e pobres “representa a grande potência criativa deste momento”, como escreveu a escritora Eliane Brum, recentemente. E continua ela… “É importante perceber, porém, que há ganhos que não retrocedem. A primeira geração de jovens negros que chegou à universidade não vai deixar de pressionar pela ampliação dos acessos. Assim como as mulheres que se empoderaram ao receber o Bolsa Família já se tornaram outras. É fundamental identificar onde está o movimento. E onde está a paralisia. Ou mesmo o retrocesso. Descolados do Brasil que se move, nem o governo nem o Congresso têm resposta. Em parte, porque sequer entendem o que dizem os manifestantes que ocuparam as ruas.”

Fazemos no nosso cotidiano de governo e parlamento um debate mudo a maioria do povo brasileiro, sem nos dar conta que não temos, assim, possibilidade de representá-lo.

A pauta real, do cotidiano das pessoas, tem de voltar ao centro dos debates. Respeito, dignidade, acesso a políticas públicas, mais saúde, educação, transporte de qualidade. É isso que concretiza a democracia pela qual tanto lutamos ultimamente. Queremos o fim desse golpe, o “fora Temer”, fim dos retrocessos, garantia dos direitos. Mas isso só será possível, novamente, quando a política estiver perto do povo. Para isso, ele precisa decidir!

*Gleisi Hoffmann é senadora da República pelo Paraná. Foi ministra-chefe da Casa Civil e diretora financeira da Itaipu Binacional. Atualmente, preside a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE). Escreve no Blog do Esmael às segundas-feiras.

15 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Best Online Casino Platforms Bring Up The Champions

    The anthem of Canada sounded in Rio All-Suite Hotel and Casino in Las Vegas again and again as the six weeks poker season ended
    with a triumph of Canadian players, who managed to win 10 bracelets.
    In addition, Daniel Negreanu, a resident of Toronto, was so good in Australian and US competitions that earned the WSOP 2013 ‘Player of the year’
    title.

    When in late June Kristen Bicknell from Ontario won the women’s tournament, it a new achievement has been recorded:
    the bracelets have been awarded to ten players from Canada, which is a huge progress after three bracelets received in 2012.
    The previous record of the country was six bracelets
    won in 2010.

    As usual, the majority of players represented at the WSOP were
    the U.S residents: 57,040 out of a total number of 79,471.
    Thus, 71.8 % of American players was more then enough to secure the leadership, as Canadian representation equaled as little as 5.2%
    (4,118 poker players). No surprise that the U.S. won a better part of
    WSOP bracelet in 2013 (41), almost two-thirds of the total number of
    awards and is slightly less than its percentage of participation. At the same time, ten Canadian bracelets represent 16.1% of awards, which is
    three times higher than the percentage of participation of
    the country. http://www.nbso.ca/casino-bonuses/

  2. Mobile Casino

    Enhanced capabilities of information technology and personal
    gadgets fueled a breakthrough in the development of e-commerce sector.
    The brand-new opportunities contributed to drastic changes in all spheres of business, and gambling is no exception. Naturally the expansion of changes into the online segment adjusted the balance of power in the global
    gaming sector and deepened the conflict between ‘conservatives’
    and ‘reformers’.

    According to Firebear Studio, a prominent IT company, global
    e-commerce market in 2014 was estimated at a trillion dollars, while its
    growth rate equaled 19.4% according to the research.

    Another investigation carried out by Goldman Sachs Group Inc.
    indicates that due to the increasing popularity of smartphones and tablets the concept
    of mobile commerce (m-commerce) acquires its relevance. According Firebear Studio, last year the number of
    transactions from mobile devices grew up to 18% of all purchases on the web.
    The percentage of operating on mobile devices has increased from 38% in 2012 to 53% in 2014.

    This direction couldn’t have left online gambling untouched, which is evidenced by comprehensive researches of the authoritative
    H2 Gambling Capital and iGaming Business. Online market is not
    consolidated and it is being developed still. Until now, there
    is even no single terminological apparatus: the same phenomenon called different companies in different
    ways. The concept of ‘online gambling’ causes misunderstandings.
    H2 Gambling Capital and iGaming Business, for example, referred to as the entire online gaming
    market segment, First Gaming distinguishes it from mobile segment.
    Others, such as The European Lotteries Association and Scientific Games, do not refer online lotteries to this notion.
    Nevertheless, the industry is rocketing.

    H2 Gambling Capital and iGaming Business projected the total revenue from online
    gambling winnings (including betting) in 2014 amounted to
    C$30,6 Bln. According to the study, the total income of the global online gaming industry will grow from
    C$6,6 billion 2003 to C$ 32,5 billion in 2015-m and C$42,
    8 billion 2018. By that time, in terms of profitability Europe will continue to lead, although the gap with other continents will be reduced, especially with Asia.
    A doubling of revenues from online gambling in the United States is
    expected.

    Betting will retain its leading position on the Internet, but will gradually show a slowdown. In this case, the yield is expected to increase the online casino, which by 2018 will
    also double their performance. Such growth will be observed in all sectors,
    except for online bingo. http://www.nbso.ca/blackjack/

  3. Pastor Sou crente em Jesus, vejo que o senhor é crente no Lula, Dilma e Gleisi Hoffman, tire este Pr, porque o que o senhor está fazendo é matéria Paga.
    Gostaria de Saber onde é sua igreja e o nome dela, porque a Bíblia disse que no fins dos tempos virão muitos falsos profetas. podemos estar descobrindo um caso concreto.

  4. Coitada dessa Senadora. O nome dela está completamente sujo. Estou contanto os dias que será presa. Não só ela, más toda a quadrilha que se intitulou ( do povo ) e mostrou a verdadeira democracia socialista petista, a claptocracia.

  5. Meu querido pastor. Também sou evnagélico e se o Sr é eleitor do PT como eu já fui e tem opinião adversa da maioria (80%) dos brasileiros é claro que temos que respeitar mas também na minha humilde opinião o pior cego é aquele que não quer enxergar. Como o Sr sabe no comunismo como queriam estabelecer no Brasil nem eu e nem o Sr poderiamos professarmos a nossa fé à qual eu muito me orgulho ( Assembleia de Deus). Também é biblico que ao diabo deu-se o nome de pai da mentira então o que dizer de: Eu não sabia nada de pasadena, eu não sabia que estavam roubando a petrobrás, o sitio não é meu, o apartamento não é meu, eu não peguei dinheiro de empreiteira, meu dinheiro vem de palestras ( que nunca houve) meus filhos ganham dinheiro porque são super inteligentes, eu queria me tornar ministro para escapar da lava jato e etc. etc. etc. Fique sabendo que não defendo Lula, Dilma, Temer, Aecio, Renan e outros. O que peço para Deus é que não definhe minha pouca inteligencia e que não faça-me cego diante de tantas evidências e verdades. Fique com Deus e a paz do Senhor.

  6. “O Brasil que está protestando contra a cultura do estupro, contra o enfraquecimento das escolas públicas, contra os homicídios dos jovens negros e pobres “representa a grande potência criativa deste momento”, como escreveu a escritora Eliane Brum, recentemente. ”

    Infelizmente cara senadora, a senhora mais do que ninguém deveria estar ciente, de que tudo isto que aí está é graças ao fracassado modelo político do PT, PMDB e do PCdoB, pois se tem alguém culpado que a cultura do estupro só aumentou, são vocês mesmos, ou o que o governo comunista fez exatamente para acabar com isto??? Colocou no gabinete da Casa Civil um estuprador de crianças!!!! Este ser abominável que já tem mais de 100 anos de pena, estava exatamente ao seu lado, caminhando junto a ti e o que tu fez??? Cadê as tuas notas e matérias mostrando indignação em relação aos atos cometidos pelo teu assessor??? Ou será que as crianças violentadas por ele (teu amigo pessoal) são menos importantes que a guria estuprada por 30 homens????

    Escola pública???? Cara na boa, cria vergonha nessa cara cheia de butox e plásticas e caia na real. O ensino público está falido completamente, vocês mais uma vez se superaram e conseguiram fuder com tudo, tentando criar militantes de esquerda dentro da escolas e universidades. Gente sem conhecimento que está ali apenas para seguir uma cartilha ridícula com ensinamentos absurdos.

  7. É Pastor e dona Gleisi, vcs bem que poderiam ficar sem estas, aquele velho ditado boca fechada não entra mosquito.

  8. Senadora Hoffmann, Demagogia é o seu nome.
    Quanta dissimulação.
    Reforma política que s e preze, deve abreviar os mandatos para o Senado,
    em quatro anos.
    Aí já estaríamos livres disso.
    Haja paciência.

  9. Com que moral essa senadorinha vem falar em defender o estupro se ela tinha em seu gabinete o maior estuprador do pais, fala serio narizinho.

  10. Pastor, vai dormir!!!!
    Hoje é segunda feira, dia do seu descanso, o dia de encher o saco de seus fiéis é domingo, portanto não fica enchendo o saco de quem não tem nada a ver com isso.
    Certamente sua religião deve ser voltada a teoria da libertação do Frei Leonardo Boff ou da Igreja Universal da Tia Eron e do Pastor Valdenir.
    Pobre dos fiéis de sua igreja que possui esse conceito do que é honesto que você prega em seu discurso.

  11. Que absurdo os comentários dessa senhora criticando a educação pública a criminalidade. Como se o governo do PT do Lula e da Dilma não tivesse ficado governando por mais de doze anos. Acabaram com o país agora querem depositar a culpa no Temer que assumiu o governo a menos de quatro meses. Cínicos caras de pau. Gente ruim, corruptos incompetentes. Fora, larguem o osso e se dediquem a se defender dos processos que tramitam na Justiça.

  12. O QUE TÁ FALTANDO PARA NOSSA PRESIDENTA VOLTA PARA O LUGAR ONDE NUNCA DEVERIA TER SIDO TIRADA DE MANEIRA COVARDE E INJUSTA?

  13. LULA, O MELHOR PRESIDENTE QUE O BRASIL JÁ TEVE…. DILMA, A PRESIDENTA MAIS HONESTA DA HISTÓRIA DO BRASIL. Na minha humilde e militante opinião….quanto A PERFEIÇÃO, A BONDADE, PODER, HONRA E GLORIA SEJA DADA A JESUS CRISTO….
    Pr. Antonio Do Rego Monteiro

    • O melhor presidente, na opinião do pastor, em breve prestará contas à Justiça, da ladroagem chefiada por ele e a presidente Dilma, também tem a sua administração questionada. O governo lulodilmista esculhambou o Brasil.

    • Pastor, sabia que mentir é pecado??? Que tentar iludir os mais desprovidos de inteligência é também pecado???? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Ou o senhor é muito ingênuo e realmente acredita nas palavras que escreveu em relação aos dois nomes citados, ou és um tremendo cara de pau que não está nem aí para o cidadão honesto e trabalhador, a ponto de tentar enganar até mesmo os seus fiéis.