Por Esmael Morais

Vítima de golpe, Dilma recupera popularidade, diz pesquisa Ibope

Publicado em 27/05/2016

Dilma teve crescimento de 15 pontos comparado com números de duas outras pesquisas anteriores. A primeira, já divulgada, realizada em março, entre os dias 17 e 20, e a segunda, em meados de abril, de 14 a 18.

“As duas mostraram certa estabilidade no porcentual de confiança, mas ainda mantinham extremo o grau de desconfiança dos eleitores. Números da terceira pesquisa, de maio, indicam um impacto forte nos índices “confia”, para cima, e “não confia”, para baixo. A queda da desconfiança é expressiva. Caiu de 76% para 65%. Percentuais ainda preocupantes. Projeta, porém, tendência de queda. O resultado surpreende. Dilma, tudo indica, está em processo de recuperação política. A velocidade do caminho será ditada pelo possível fracasso do governo provisório de Temer”, relata Dias.

De acordo com o presidente do Ibope, uma das explicações é que o índice de confiança subiu a partir das pessoas que consideravam o governo “regular. “Existe o regular positivo. Não se deu atenção a isso. Muita gente veio do regular”, diz Montenegro.

Montenegro ainda fala sobre a relação do grupo de eleitores “criados” pela solidariedade à Dilma. “Ainda não sei em que proporção”, admite.