O senhor da razão

tempo

Em sua coluna desta segunda-feira, o deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli (PSB) sustenta que foi acertada a reforma promovida pelo governo do estado em 2014, aplicando “medidas saneadoras” para que o estado atravessasse o momento de crise. O resultado, segundo o deputado, é que o Paraná continua crescendo e já é a quarta economia do País. Leia e ouça a seguir.

Download áudio

O senhor da razão

“Na tribo, o velho é o dono da história,
o adulto é o dono da aldeia
e a criança é a dona do mundo”
Orlando Villas Bôas

Luiz Cláudio Romanelli*

Os velhos — os mais sábios — sempre dizem que o tempo é o senhor da razão. É o que acontece neste momento no País, em que a maioria dos estados está à beira da falência e, além de não honrar com o pagamento dos salários de servidores e aposentados, não consegue quitar as dívidas com os fornecedores e sequer investir um centavo em obras e em programas básicos como os serviços de saúde.

O tempo se encarrega agora de mostrar que o caminho optado pelos deputados paranaenses ao aprovar os ajustes, em dezembro de 2014 e abril de 2015, foi o mais certo neste enfrentamento à profunda crise econômica e financeira por qual passa o país e que atinge de forma direta os estados e municípios. Vale lembrar — e é sempre bom lembrar — que já passam de 11,1 milhões de trabalhadores brasileiros sem emprego.

Agora, todos sabem que o Paraná não é uma ilha, mas se torna exemplo, referência e contraponto a outros estados, no que diz respeito às medidas saneadoras da máquina pública, de equilíbrio fiscal e que, além de pagar seus servidores em dia, tem dinheiro em caixa para obras, pagamento de fornecedores e outros investimentos necessários.

Fizemos o dever de casa e essas palavras foram reverberadas pelo presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, deputado Jorge Picciani, do PMDB. Em entrevista a TV Globo, Picciani disse que o problema do estado carioca, em situação pré-falimentar, é de gestão e que o governador Luis Fernando Pezão, do PMDB, devia seguir o exemplo do Paraná.

Abro aspas para Picciani que disse: “Veja a questão do governador (Beto Richa) do Paraná. Ele enfrentou uma reeleição e logo nos primeiros meses (de 2015), fez mudanças radicais na gestão, enfrentou greve e uma série de coisas e hoje tem R$ 2 bilhões em caixa. Então, é um problema (o do Rio de Janeiro) de gestão”.

As palavras de Picciani, em um pequeno grau de diferença, foram ditas ainda na quinta-feira, 5, na sessão na Assembleia Legislativa em homenagem ao dia do trabalho. Nesta sessão, o vice-presidente da Fecomércio, Paulo Cesar Nauiack, reconheceu o erro das entidades empresariais em não terem apoiado o Estado e os deputados quando foi feito o ajuste fiscal em 2015.

Disse Nauiack: “Naquela ação para fazer as mudanças que o Estado precisava que fossem feitas, e nós da sociedade fomos omissos e não apoiamos”.

Além disso, Nauiack prossegue. “Então, fica aqui um mea-culpa por parte do empresariado que não apoiamos as ações que eram tão necessárias e estão mostrando hoje, quando avaliamos, ouvimos e vemos que neste Brasil tem tantos Estados com a economia fragilizada e passando por uma situação de muita dificuldade, mais de um milhão e setecentos mil trabalhadores públicos estão sem receber os seus salários”.

No Paraná, segundo Nauiack, os empresários não podem reclamar desta situação. “Fica o registro e agradecimento àqueles que dentro desta Assembleia defenderam os direitos dos trabalhadores. É necessário que nos mobilizemos em torno de um grande pacto nacional e que todos assumam a sua responsabilidade e cumpram suas respectivas missões”.

Se o Paraná fez bem sua lição de casa, se antecipou à crise frente a inércia da maioria dos estados, também soube navegar quando a economia estava de vento em popa. Não é por menos que ultrapassou o Rio Grande do Sul e se tornou a quarta maior economia entre os estados brasileiros, segundo dados do IBGE.

E o exemplo disso, mais uma vez, está bem próximo. Na sexta-feira, 6, o governador Beto Richa inaugurou a fábrica da Ambev, em Ponta Grossa – um investimento de R$ 848 milhões e que teve apoio do programa de incentivos ficais do Estado. Esta fábrica traz a certeza de que os empreendedores continuam a confiar no Paraná, apesar de todos os desacertos da economia nacional. E que o Estado está enfrentando de forma exemplar a atual conjuntura adversa, garantindo condições e segurança para novos investimentos como os estimulados pelo programa de incentivos fiscais.

Este programa, o Paraná Competitivo, foi implantado em 2011 para atrair novos investimentos e a criação de novos empregos. Até 2015, foram R$ 41,9 bilhões em investimentos, dos quais R$ 25,4 bilhões da iniciativa privada e R$ 16,5 bilhões das estatais paranaenses como a Copel, Sanepar, Portos de Paranaguá e Compagás. Nestes cinco anos, 203 empresas ingressaram no programa e mais de 100 mil empregos foram criados.

Condições criadas como a deste programa de incentivos tornaram o Paraná o segundo estado mais competitivo do Brasil, de acordo com a revista inglesa The Economist. Outro jornal, o Financial Times, elegeu o Paraná como o estado com melhor estratégia de investimentos da América do Sul.

Outro exemplo do que o Paraná acertou em fazer seu ajuste está no cruzamento dos números dos orçamentos de 2015 e 2016. Deficitário, tornou-se superavitário, De um ano para o outro, readquirimos a capacidade de investir, diretamente do tesouro e por meio das nossas estatais, gerando empregos e atividades econômicas e principalmente melhorando a vida dos paranaenses, com desenvolvimento econômico e de combate e superação as desigualdades sociais.

Como os velhos e sábios dizem: o tempo é o senhor da razão.

Paz e bem e uma boa semana a todas e a todos.

*Luiz Cláudio Romanelli, advogado e especialista em gestão urbana, ex-secretário da Habitação, ex-presidente da Cohapar, e ex-secretário do Trabalho, é deputado pelo PSB e líder do governo na Assembleia Legislativa do Paraná. Escreve às segundas-feiras sobre Poder e Governo.

14 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I simply want to say I’m new to weblog and actually liked your blog site. Almost certainly I’m likely to bookmark your blog . You definitely come with amazing articles and reviews. Kudos for revealing your blog site.

  2. Romanelli: um deputado corajoso! Destemido! Audacioso, conhecedor! Recomendações para alguns: a inveja é muito ruim!

  3. Minha gente, vamos parar de hipocrisia!
    Não existe receita mágica. Dinheiro não dá em árvore.
    Todos os salários em dia, todos os compromissos honrados. Achas que dinheiro vem da onde?
    Então vamos acabar com os impostos e deixar que cada cidadão arque com as despesas de educação, saúde, segurança, enfim…
    Nessa república tupiniquim todos querem seus direitos, mas dever que é bom…

    • De onde veio essa aspone, vive num mundo somente dela…

      • Joel Santana e Dom Quixote,
        Saiam desses codinomes e venham para conversa franca e aberta.
        Vocês gostam da bela democracia quando todo mundo fala o que querem querem ouvir.

        Poderia ficar horas aqui argumentando com vocês sobre como vocês não tem noção alguma da realidade, mas não vai adiantar.
        Então, só lamento.
        E indico ainda que possam estudar um pouco mais, se aprimorar um pouco mais, e quem sabe um dia, aprender a pensar com a propria cabeça.
        É bem legal.
        #ficaadica

        • Não sairei do meu codinome, pois serei perseguido por seu governo, minha cara. Além disso, se leu meu comentário deveria ter entendido quando sei de políticas públicas e gestão. Bem provavelmente coisas que nunca saberá apenas com seu grau de estudo. Sem problemas, como diz você, um dia aprenderá a pensar com sua própria cabeça. Provavelmente no dia em que não receber sua aposentadoria, por não existir recursos no fundo previdenciário, gasto por este incompetente que seu marido defende. Também o dia que entender que Copel e Sanepar já não pertencem mais ao nosso Estado e tiver que pagar luz e água em preços estratosféricos, para encher os bolsos dos acionistas. É provável que seu celular não possa ser carregado e aí resolva deixá-lo de lado e ler algum livro. Mas, como comentei antes, estou perdendo meu tempo por quê? Você e seu marido, logo, logo verão nas urnas o mal que estão fazendo ao mundo. Até lá, continue defendendo seu governo esdrúxulo. Um dia entenderá.

  4. O Romanelli estava doidinho pra puxar o saco do Beto Richa. E dessa vez foi bem longe. Como é fácil pagar aposentadoria com dinheiro da poupança dos próprios aposentados, né? Como é fácil fazer dinheiro enfiando na população robustos aumentos de taxas e impostos, né? Mas não podemos negar que o Romanelli é um homem de coragem. Defender o Beto Richa aqui é só pra macho muito corajoso! KKKKKKKK

  5. totalmente sem noção do tipo a mentira contata mil vezes se torna verdade.
    Só falam de um lado da moeda se a Ambev veio para o Parana FOI O BETO RICHA E SEU PROGRAMA PARANA COMPETITIVO QUE FEZ TUDO mas se falar porque a positivo informatica saiu do parana para manaus uma empresa genuinamente paranaense esse oleo de peroba romanelli nem fala e se perguntarem terão a cara de pau de falar que é culpa da Dilma.
    Meias verdades e historias contadas pela metade mostram e CARÁTER dessa gente

  6. Romanelli só fala as coisas boas mas gostaria que ele falasse como ele deixou a secretaria do trabalho e o sine que hoje esta as moscas graças a ele e gostaria que ele parasse com a hipocresia sinica dele e explicasse porque a positivo informatica se mudou para manaus.
    Só as coisas boas como se o beto lixo fosse o melhor governador do mundo.
    Ele acha que mas medidas saneadoras foram bos na verdade esse desgovernador afundou o estado ja no primeiro mandato que ja não pagava fornecedores desde essa época e agora da a conta no rabo do povo e ainda quer ser o arauto do saneamento???
    Romanelli lava tua cara.

  7. Com vários aumentos abusivos de impostos que afetam o bolso dos paranaenses né Sr. Romanelli? E os gastoes com propaganda como vão? quase 21 milhoes em 4 meses de 2016 né? Portal da transparencia me deixa chocado!!! R$ 426 mil reais a REVISTA VEJA para UM ÚNICO ANÚNCIO!? É isso mesmo!? tem várias destas pérolas lá no portal, que palhaçada!!! Enquanto isso enrolando com o pagamento das promoções e progressões dos servidores!? Seus f#$%*

  8. As custas do povo com altos impostos, aumento de tarifas, roubo da previdência dos servidores, chama isso de exemplo? Exemplo sim, de corrupção, má gestão, falta de compromisso com a população, mas os deputados como esse senhor nem devem saber o que é isso, vivem numa dimensão a parte, preocupam-se apenas em manter sua posição política e de seus pares. Beto Richa ensinou bem a Romanelli. E ele é assim não por opção, mas por que o quer. Pobre alma viver dessa maneira deve ser o mesmo que abraçar o diabo e chama-lo de Deus! Tenho pena de você Romanelli! Continua cego.

  9. Romanelli, sempre você, fazendo aquilo que lhe mandam e nunca o que sua base eleitoral lhe pede. Este texto é uma estratégia do Desgoverno, de começar a mudar sua imagem. Já mudou o Secretário, colocando o tio, e agora começa com seu texto, tentando, de alguma forma levantar a imagem moída de um extravagante. Romanelli, o Estado em 2014 estava falido graças ao seu governo. Ele é que quebrou o Estado, mentindo que faria uma gestão profissional. E mentiu mais ainda na campanha. Se a Presidente vai cair por causa disso, imagine este inútil do teu governador. Não venha dizer que o Paraná é o que diz aí neste seu texto escrito por sua esposa. Estradas duplicadas pelo pedágio mais caro do mundo não são obras de governo, educação no lixo como está a nossa não é ação a ser divulgada, saúde em condições precárias não pode ser objeto de propagando mentirosa. Meu Deus nem sei por quê estou perdendo meu tempo com um cara como você e seu governo. Verão nas urnas o que lhes espera. Aguarde. Em outubro terá uma prova.

    • Nem sei porque vem até aqui mesmo.
      Minha mãe dizia que quem muito critica, sem apresentar solução melhor, deveria lavar um tanque de roupa, para pensar e ver se pode contribuir.
      Indico o site do deputado http://www.luizromanelli.com.br para que você conheça um pouco mais da história desse político que tanto nos orgulha.
      Abraço

      • Esposa do deputado. KKKKKKKKKKKKKKK, só rindo mesmo. Pensar apenas no presente. E o futuro? Quem vai pagar? Os aposentados serão remunerados daqui 10 anos com qual recurso? Será que o site do deputado sabe responder? Lembre-se que hoje você está em um cargo comissionado, mas daqui alguns anos estará aposentada. Sabe me dizer, ou o site do deputado sabe, de onde sairá o recurso para que sua aposentadoria seja paga. Se não sabe, sugiro que vá pesquisar no site do deputado Luiz Romanelli. KKKKKKKKK