Ministro interino que cortou 11 mil casas bateu panela na Câmara em homenagem aos “coxinhas”

ministro_paneleiroO ministro interino das Cidades, Bruno Araújo (PSDB-PE), antes de cancelar a construção de 11.250 unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, ainda na Câmara, bateu panela no plenário pelo impeachment da presidente eleita Dilma Rousseff (PT).

Na sessão de 10 de março de 2015, Araújo levantou e bateu uma panela contra a tampa durante o discurso. Dizendo fazer uma homenagem aos “coxinhas”, o então deputado disse que “Dilma deu um tapa na cara do bom senso do povo”.

O diabo é que o tucano, depois derrubar Dilma, “deu um soco no povo” que ele dizia defender. A suspensão da construção de 11.250 mil unidades habitacionais é de uma desumanidade incrível.

Ou seja, o ministro interino paneleiro conseguiu transformar os “coxinhas” em “trouxinhas” em apenas uma semana no poder. É mole?

Comentários encerrados.