Há vida além do WhatsApp

imageO Brasil inteiro foi surpreendido nesta segunda-feira (2), outra vez, com a decisão do juiz  Marcel Montalvão, da Comarca de Lagarto (SE), que tirou do ar o WhatsApp por 72 horas.

A medida judicial penaliza, antes de tudo, os usuários e beneficia as operadoras de telefone. Grosso modo, o magistrado destruiu um jardim para apanhar um flor.

A retirada do WhatsApp tem origem no mesmo processo que levou o vice-presidente do Facebook no Brasil à prisão.

Para quem não vive sem as mensagens instantâneas existe alternativa ao popular WhatsApp: o Telegram, cuja empresa é de origem russa. O aplicativo é até mais robusto.

Comentários encerrados.