Gleisi aponta várias inconsistências em denúncia da Lava Jato; assista

gleisi_hoffmannA senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) apontou várias contradições — e inconsistência — na denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, fez contra ela e o marido dela, o ex-ministro Paulo Bernardo, no Supremo Tribunal Federal. Abaixo, assista ao vídeo:

A acusação é de que a campanha de Gleisi, em 2010, recebeu R$ 1 milhão de esquema de corrupção na Petrobras.

A parlamentar lembrou que o indiciamento da Polícia Federal sobre o caso fora rejeitado. “Agora, vou defender-me junto ao Supremo”, disse.

“Venho sofrendo com este assunto desde outubro de 2014, quando um delator da Lava Jato afirmou que repassou esses recursos”, desabafou Gleisi.

No Facebook, a senadora publicou vídeo com discurso realizado no início de abril, na tribuna do Senado, onde ela diz esclarecer todos os pontos, inclusive o envolvimento político do advogado do delator, Figueiredo Bastos, que tem sido o coordenador profissional de diversas delações, incluindo delatores e delatados.

“Figueiredo Bastos foi cargo de confiança no governo Beto Richa”, denunciou.

Comentários encerrados.