23 de maio de 2016
por Esmael Morais
29 Comentários

Alvaro diz que PV não apoia governo golpista de Temer; assista

alvaroO senador Alvaro Dias (PV-PR) anunciou que o partido não apoia o governo golpista de Michel Temer (PMDB). O parlamentar verde utilizou a tribuna do Senado para dizer que o ministro do Meio Ambiente Zequinha Sarney não representa o PV. Abaixo, assista ao vídeo:

Trata-se da primeira importante baixa na base do governo provisório instalado há 11 dias, depois de aprovado o afastamento da presidente eleita Dilma Rousseff (PT) no Senado. Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
8 Comentários

Vaza reunião da comunicação de Richa realizada em sala blindada

richa_criseGarganta Profunda de Londrina, o nosso Julian Assange das Araucárias, passou o relatório da reunião da nova equipe de comunicação do governador Beto Richa (PSDB). Realizada na manhã de hoje, os mandachuvas da área transferiram o encontro para uma sala blindada, à prova de vazamentos, onde não funcionam telefones celulares. Abaixo, leia a íntegra dos informes do X-9 mais famoso do Hemisfério, que tem mais acesso ao 3º andar do Palácio Iguaçu do que a Dona Fernanda Richa: Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
6 Comentários

“Rapaz, a solução mais fácil era botar o Michel”, ouça trechos do áudio de Jucá

juca_audiosO jornal Folha de S. Paulo divulgou na tarde desta segunda (23) trechos de conversas gravadas entre o ministro interino do Planejamento, Romero Jucá (PMDB-RR), e o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, nos quais eles tramam a queda da presidente eleita Dilma Rousseff (PT).

[Jucá foi defenestrado hoje à tarde pelo governo interino de Michel Temer (PMDB].

“Rapaz, a solução mais fácil era botar o Michel“, diz Machado, num trecho do áudio, que obtém o consentimento de Jucá: “[concordando] Só o Renan que está contra essa porra. ‘Porque não gosta do Michel, porque o Michel é Eduardo Cunha’. Gente, esquece o Eduardo Cunha, o Eduardo Cunha está morto, porra”.

Machado afirma que seria um acordo nacional para botar Temer e, aí, segundo ele, “parava tudo” na Lava Jato. Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
31 Comentários

Globo vai mostrar os áudios de Jucá que confirmam o golpe de Estado?

globo_jucaA frente política aguarda ansiosa a divulgação dos áudios do ministro interino do Planejamento, Romero Jucá (PMDB-RR), vazados hoje pelo jornal Folha de S. Paulo, no Jornal Nacional, da TV Globo.

No diálogo com o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, o senador licenciado confessa que o golpe para afasta Dilma Rousseff (PT) teve a participação de ministros do Supremo. Além disso, o ministro disse que a ascensão de Michel Temer (PMDB) seria a garantia do fim da operação Lava Jato. Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
12 Comentários

Richa reintegrou fazenda de ex-diretor da Petrobras que teve conversas com Jucá gravadas

mst_machado_rossoniA reintegração de posse da fazenda Santa Maria, na semana passada, em Santa Terezinha do Itaipu, Oeste do Paraná, bateu o recorde de tempo no governo Beto Richa (PSDB). O general da desocupação da propriedade foi o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni (PSDB), que ato contínuo chamou os trabalhadores sem terra de “vagabundos” numa entrevista na rádio CBN Cascavel.

O diabo é que a fazenda reintegrada pelo governo Richa pertence aos irmãos Sérgio e Licínio Machado, ambos investigados pela operação Lava Jato, cujas conversas do primeiro gravadas com o ministro interino do Planejamento, Romero Jucá (PMDB-RR), foram divulgadas hoje (23) pela Folha de S. Paulo e repercutidas no Blog do Esmael.

Sérgio Machado, afiliado político do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), ex-presidente da Transpetro, subsidiária da Petrobrás, discutia com Jucá estratégias para barrar as investigações da Lava Jato com a participação de ministros do Supremo Tribunal Federal. Eles confessaram que o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) era uma artimanha para livrá-los das garras do juiz Sérgio Moro. Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
38 Comentários

Jucá puxa STF para dentro do golpe

juca_stfO ministro interino do Planejamento, Romero Jucá (PMDB-RR), na gravação vazada pela Folha de S. Paulo, entregou a participação ativa dos ministros do Supremo Tribunal Federal no golpe contra a presidente eleita Dilma Rousseff (PT).

O senador licenciado relatou que havia mantido conversas com “ministros do Supremo”, sem, no entanto, nominá-los.

Na versão de Jucá, eles [os ministros do STF] teriam relacionado a saída de Dilma ao fim das pressões da imprensa e de outros setores pela continuidade das investigações da Lava Jato. Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
47 Comentários

Jucá diz que acertou com Supremo ‘parar a Lava Jato’ com saída de Dilma

juca_vaza_jatoO ministro interino do Planejamento, Romero Jucá (PMDB-RR), foi flagrado em conversas “não republicanas”, em março, nas vésperas da votação do impeachment, nas quais confessa que acertou com ministros do STF derrubar a presidente eleita Dilma Rousseff (PT) para barrar as investigações da operação Lava Jato.

De acordo com reportagem da Folha (aqui e aqui), Jucá disse na conversa gravada com o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, que um eventual governo Michel Temer (PMDB) deveria construir um pacto nacional “com o Supremo, com tudo” para delimitar e parar a Lava Jato.

Jucá e Machado, nos diálogos, dizem temer o juiz federal Sérgio Moro, de Curitiba, e só isentaram o ministro Teori Zavascki a quem classificaram de “um cara fechado”. Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
26 Comentários

Gleisi: chegou a conta do golpe

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), em sua coluna desta segunda (23), denuncia que o governo provisório de Michel Temer (PMDB), em apenas um dia, ou seja, em tempo recorde, tentará mudar a meta fiscal para até R$ 170,5 bilhões visando o pagamento de promessas políticas a parlamentares em função da aprovação do golpe de Estado na Câmara e no Senado. Gleisi, que é presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE), esse debate foi bloqueado ao longo dos primeiros meses de 2016, na Câmara dos Deputados, impossibilitando que Dilma Rousseff pagasse políticas públicas importantes ao país. Agora, acusa a colunista, o golpista Temer quer aumentar o déficit para pagar a conta do impeachment. Abaixo, leia, comente e compartilhe a íntegra do texto:

A conta do impeachment chegou!

Gleisi Hoffmann*

A alteração da meta fiscal para déficit de até R$ 170,5 bilhões no Orçamento da União para 2016, independente da retórica política que se adote, é um cheque em branco, com limite especial, para o governo provisório de Michel Temer atuar com liberda Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
8 Comentários

‘Temer escalou ministério pífio para retirar direitos dos trabalhadores’

roma_colunaO deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), em sua coluna de hoje (20), lança veementes críticas ao ministério do presidente interino Michel Temer (PMDB), que, segundo o colunista, “sequer representa os que foram às ruas pedir o impeachment”. Romanelli observa que os batedores de panelas foram enganados pelos golpistas, pois, de acordo com ele, “tinham a vã ilusão de que bastaria apear a presidente Dilma Rousseff do poder para que o Brasil acordasse renovado”. O colunista, que foi secretário de Estado do Trabalho no Paraná, vê retrocessos na área social, além de suspensão de políticas públicas como a construção de 11.250 unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida. “…vem muito mais por aí, direitos importantes dos trabalhadores serão atingidos”, lamenta. Leia, ouça, comente e compartilhe a íntegra do texto abaixo: Leia mais

23 de maio de 2016
por Esmael Morais
7 Comentários

Tropa de Choque invade ocupação em frente mansão de Temer

Por volta das 00h00 desta segunda-feira (23), oficiais da tropa de choque da Polícia Militar iniciaram o ataque à ocupação formada hoje às 19h em frente à casa do interino Michael Temer, em São Paulo. A ação foi ordenada diretamente pelo governador Geraldo Alckmin, segundo a coordenação do movimento POVO SEM MEDO. Leia mais