14 de Maio de 2016
por esmael
3 Comentários

Rocha Loures sem pasta, mas com sala

rocha-louresO ex-deputado Rodrigo Rocha Loures, braço direito do interino Michel Temer, é uma espécie de ministro sem pasta, mas, desde ontem, ele ocupa uma sala que era ocupada por Giles Azevedo — o auxiliar mais próximo da presidente eleita Dilma Rousseff.

14 de Maio de 2016
por esmael
59 Comentários

Senadores denunciam na Europa ‘golpe de Estado’ perpetrado no Brasil

senadores_eurolatUma comitiva de cinco senadores desembarcou hoje em Lisboa, Portugal, para amplificar na Europa a denúncia do ‘golpe de Estado’ ocorrido no Brasil na última quinta (12).

Liderados pelo senador Roberto Requião (PMDB-PR), copresidente da Eurolat, os congressistas brasileiros participarão de uma assembleia geral na terça-feira (17) do organismo que reúne os parlamentos latino-americanos e o Parlamento Europeu.

Além de Requião, estão além-mar os senadores Lídice da Mata (PSB-BA), Lindbergh Farias (PT-RJ), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e Gleisi Hoffmann (PT-PR).

Requião deverá relatar o clima pós-golpe no Brasil, de fragilidade institucional e de divisão dos brasileiros em virtude da mídia e da direita golpistas.

14 de Maio de 2016
por esmael
22 Comentários

Uruguai também diz NÃO reconhecer governo interino de Temer

Rodolfo_Nin_NovoaAumenta o isolamento internacional do governo interino de Michel Temer cuja ascensão ao poder se deu por meio de um golpe de Estado no último dia 12.

O último país dizer que NÃO reconhece como legítimo o governo golpista de Temer é o Uruguai, sócio do Brasil no Mercosul, que se manifestou através do ministro das Relações Exteriores Rodolfo Nin Novoa.

14 de Maio de 2016
por esmael
13 Comentários

New York Times mostra para o mundo o que a Globo esconde do Brasil

fora_temerNa postagem sobre a falta de reconhecimento ao governo interino de Michel Temer pela comunidade internacional, o Blog do Esmael abordou a falta de credibilidade da imprensa brasileira na cobertura da crise política causada pelo golpe de Estado (clique aqui).

Pois bem, a imprensa estrangeira se transformou em fonte fidedigna para quem quer saber o que está ocorrendo no Brasil. Portanto, uma vergonha para os profissionais de imprensa brasileiros. (Abaixo, assista à reportagem do New York Times sobre a resistência ao golpe).

14 de Maio de 2016
por esmael
23 Comentários

Golpe de Temer NÃO é reconhecido pela comunidade internacional

maduro_golpeO presidente interino Michel Temer enfrenta resistências no plano internacional, pois, até agora, NENHUM país o reconheceu formalmente como representante legítimo do maior Estado da América Latina e uma das dez economias mais desenvolvidas do mundo.

A crise de legitimidade se agravou nesta sexta (13) quando o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, pediu ao embaixador Alberto Castellar retornasse a Caracas. O chefe do governo venezuelano classificou o “afastamento” de da presidente Dilma Rousseff como um “golpe de Estado”.

“Pedi ao nosso embaixador no Brasil que viesse, e estivemos reunidos avaliando essa dolorosa página da história do Brasil, uma jogada injusta com a mulher que é a primeira presidenta que o Brasil teve”, disse Maduro em pronunciamento na estatal Venezolana Televisión. (Abaixo, assista ao vídeo).

14 de Maio de 2016
por esmael
23 Comentários

Joaquim Barbosa fala sobre o golpe: “Pura encenação para justificar uma tomada de poder”

barbosa_VTEXDayO ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, classificou a sessão que aprovou o afastamento da presidente eleita Dilma Rousseff como encenação para justificar um golpe de Estado. “Pura encenação para justificar uma tomada de poder”, disse ele. Abaixo, assista ao vídeo:

14 de Maio de 2016
por esmael
9 Comentários

Golpe divide em ódios o país

Vereador curitibano Jorge Bernardi (REDE), ao observar a divisão do país, em virtude do golpe, vê possibilidade de retorno da presidente eleita Dilma Rousseff caso o governo interino de Michel Temer não consiga resolver a política econômica. Colunista se diz preocupado com a Lava Jato, que, segundo ele, corre risco de terminar em pizza. “O presidente Michel Temer e sete de seus ministros são acusados,  por delatores,  de terem recebido propina de empreiteiras investigadas na Lava Jato”, anota o parlamentar, que torce para o TSE cassar a chapa Dilma-Temer e convoque novas eleições. Abaixo, leia, ouça, opine e compartilhe a íntegra da coluna semanal:

Download do áudio

Com país dividido pelo ódio político, governo Temer começa com mais dos mesmos

Jorge Bernardi*

O processo do impeachment de Dilma Rousseff tem divido a nação! O ódio político p