10 de maio de 2016
por Esmael Morais
1 Comentário

Por 74 votos, Senado defenestra Delcídio

delcidio_amaralO senador Delcídio Amaral (MS), sem partido, foi julgado nesta terça-feira (10) pelo plenário do Senado. Ele  foi cassado hoje por quebra de decoro pelo placar de 74 votos favoráveis, nenhum contra e uma abstenção. O presidente da Casa, Renan Calheiros, regimentalmente não votou. O Pedido para defenestrar Delcídio partiu de representação da Rede Sustentabilidade e o Partido Popular Socialista (PPS).  Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
4 Comentários

Dilma denuncia golpe às mulheres

A presidente Dilma Rousseff participou na tarde desta terça-feira, 10, da abertura da 4ª Conferência Nacional de Políticas para as Mulheres. Ela aproveitou o público para denunciar, mais uma vez, o golpe de Estado que poderá afastá-la amanhã do cargo por 180 dias. Abaixo, assista ao discurso.

O evento que reúne em torno de três mil mulh Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
9 Comentários

STF pode anular o impeachment

cardozoA presidente Dilma Rousseff e o Advogado-Geral da União, José Eduardo Cardozo, vão ao Supremo pedir anulação do impeachment alegando que Eduardo Cunha (PMDB-PR) agiu com desvio de poder “a seu favor, a seu benefício” visando atrapalhar as investigações da Lava Jato e sua cassação no Conselho de Ética na Câmara.

Segundo Cardozo, Cunha cometeu desvio de poder ao abrir o processo de impeachment e isso ensejaria a anulação do rito de afastamento da presidente da República.

Além disso, o governo também apontará no STF a coação — ou pressão ilegítima — do presidente da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), que revogou a anulação do impeachment na calada da noite sem dar uma explicação sequer. Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
9 Comentários

Ministro da Justiça suspeita da forma como Maranhão revogou o próprio ato

Agência Brasil

aragaoO ministro da Justiça, Eugênio Aragão, disse ter estranhado a forma como o presidente em exercício da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão (PP-MA), revogou a decisão de anular a sessão da Câmara que autorizou o Senado a deliberar sobre o impeachment da presidenta Dilma Rousseff. De acordo com o ministro, está evidente que, por trás disso, há o que, em suas palavras, é avaliado como “fenômeno das pressões políticas ilegítimas”. Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
3 Comentários

Golpistas planejam volta de Cunha

richa_cunhaNão passou batido ontem (9) a volta do presidente “afastado” da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), como voz “sensata” na velha mídia reprovando o sucessor Waldir Maranhão (PP-MA) que anulou o impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Cunha disse que a decisão do colega era “absurda, irresponsável, antirregimental e feita à revelia do corpo técnico”.

O diabo é que 72 horas antes, a mesma velha mídia golpista reverberara o voto do ministro Teori Zavascki, do STF, que aponta o mesmo Cunha como bandido, chantagista, vigarista, que se utilizou do cargo de presidente da Câmara para atrapalhar as investigações da Lava Jato.

O corre-corre dos golpistas tinha como objetivo desqualificar Maranhão em virtude da invalidação das sessões da Câmara nos dias 15, 16 e 17 de abril que culminaram com a votação do impeachment e, consequentemente, anulação do processo que chegou ao Senado.

O “retorno” de Cunha aos holofotes como agente do equilíbrio prova o tamanho da hipocrisia da velha mídia golpista. Antes, porém, o presidente “afastado” havia se reunido secretamente com a Globo. Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
5 Comentários

Cada vez mais golpista, Janot defende cada vez mais Temer

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que se semana passada havia “esquecido” o vice Michel Temer (PMDB) na super denúncia que fez ao Superior Tribunal Federal, agora defende abertamente o virtual futuro chefe.

A última é que Janot pediu ao STF que derrube a liminar determinando abertura do processo de impeachment contra o vice Temer. Depois dessa, o procurador já se habilita para o cargo de Advogado-Geral da União (AGU).

Cada vez mais golpista, Janot mira nos alvos de resistência à deposição da presidente Dilma Rousseff. Sua mais nova obsessão é a combativa senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR).

Se por um lado propõe o rigor contra a petista, o procurador-geral “afrouxa a tanga” para o golpista Temer, ou seja, protege demais o golpista número um da República.

A ideia dos golpistas é calar Gleisi Hoffmann, bem como como outras vozes contrárias ao atentado contra a democracia e a Constituição Federal.

A senadora Gleisi está sendo perseguida mais pelo que “é” do que “fez” cujo processo lembra o estado nazista de Hitler.

Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
3 Comentários

Mulheres de Curitiba mandam recado para os senadores: “façam amor, não façam golpe”

mulheres_curitiba

As mulheres curitibanas, sob a bandeira da democracia, foram à tradicional Rua XV de Novembro — a Rua das Flores — na capital paranaense para mandar um recado aos senadores da República: “façam amor, não façam golpe”. Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
11 Comentários

Golpe transforma o país em caos

O Brasil está tendo nesta ‘superterça’ uma pequena mostra de como seria o país caso fosse consumado o golpe de Estado, amanhã, dia 11, quando o Senado votará o afastamento da presidente Dilma Rousseff.

Esta ‘superterça’ ainda promete, pois, além do fechamento de rodovias em dez estados e DF, haverá também megaconcentração em frente ao Senado da República às 17 horas.

O dia de protestos em favor da democracia foi convocado pela Frente Brasil Popular e Povo Sem Medo, bem como pelas centrais sindicais, partidos, movimento sem terra, movimentos estudantis e de mulheres.

O processo de impeachment em si ultrapassou a barreira do picadeiro cuja nulidade é evidente até mesmo para um calouro do curso de Direito.

A responsabilidade de barrar ou dar sequência ao caos no país está nas mãos do Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
9 Comentários

A palhaçada do impeachment

maranhao_oficioO processo do impeachment contra a presidente Dilma Rousseff tomou ares de picadeiro no início da madrugada desta terça-feira, dia 10.

O deputado Waldir Maranhão (PP-MA), presidente da Câmara, sem explicações, revogou a anulação da sessão que votou o impeachment. Ou seja, validou a continuidade do afastamento de Dilma no Senado.

Um ofício foi “vazado” cuja autenticidade só foi confirmada na manhã de hoje. Leia mais

10 de maio de 2016
por admin
11 Comentários

Carli e Yared

carli

O recente debate público, através de vídeos gravados pelo ex-deputado estadual Carli Filho, e pela atual deputada federal Christiane Yared (PR), trouxe um novo capítulo para a história do “acidente” de trânsito que envolveu Carli e vitimou um filho de Christiane e outro jovem em 2009. O advogado Marcelo Araújo analisa o desenrolar desses fatos em sua coluna semanal. Leia e ouça a seguir.  Leia mais

10 de maio de 2016
por admin
1 Comentário

Especulações e ilegitimidades

especula

Uma rocambolesca novela antirrepublicana, é como o deputado federal Enio Verri (PT) define, em sua coluna semanal, o golpe em forma de processo de impeachment da presidenta Dilma; que a cada dia fica mais confuso e ilegítimo. Independente das motivações do presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), para anular a votação do dia 17 de abril, o episódio só serviu para escancarar ainda mais os atropelos do processo golpista. Leia a seguir.  Leia mais