Tucano Anastasia será relator do golpe no Senado

anastasiaPor votação nominal com 16 votos a cinco, o nome do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) foi aprovado na manhã desta terça (26) para a relatoria da comissão do Senado que analisa a admissibilidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. O tucano era a única indicação para o cargo, mas parlamentares governistas pediram o impedimento do nome de Anastasia para a função.

A votação foi precedida por questões de ordem de senadores da base de apoio ao governo que afirmaram haver suspeição sobre o tucano. O argumento para tentar impedir sua eleição é que o PSDB, maior partido de oposição no Senado, apoiou o pedido de impeachment da presidenta e por isto, a posição do relator já é conhecida.

Com esta primeira sessão de trabalho começa a contar o prazo para que a comissão conclua e vote, por maioria simples, um parecer indicando ou não a continuidade do processo. Este mesmo texto, independente do resultado no colegiado, será submetido ao plenário do Senado onde precisa da mesma maioria simples entre os 81 senadores da Casa.

Nos primeiros minutos da sessão de hoje, a temperatura dos debates se elevou e o PSDB estava no centro dos impasses. Uma questão de ordem apresentada pela senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) pedia para que o nome do advogado Flávio Henrique Costa Pereira, coordenador jurídico nacional do PSDB, fosse incluído como um dos subscritores do pedido que culminou na abertura do processo, ao lado do jurista Hélio Bicudo e dos advogados Miguel Reale Júnior e Janaína Paschoal.

O senador Cássio Cunha Lima (PB), líder do PSDB na Casa, rebateu afirmando que Pereira é advogado dos três autores e não subscritor e classificando a iniciativa como um “tipo de chicana”. O presidente da comissão eleito no início da reunião, Raimundo Lira (PMDB-PB), indeferiu o pedido. Governistas afirmaram que vão recorrer ao plenário da Casa para tentar reverter a decisão.

Raimundo Lira assumiu o comando da comissão com a promessa de conduzir os trabalhos com afinco e “consciência da responsabilidade que exige essa tarefa”. Disse ainda que nas próximas semanas os olhos do Brasil estarão voltados para o Senado e os olhos do Senado para a comissão especial do impeachment. “É preciso que todos saibam que a comissão não pode falhar em dar ampla defesa e direito ao contraditório”, alertou também firmando compromisso com a transparência, o respeito e o diálogo.

via Agência Brasil.

10 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. É o fim da picada. Este senador rei das pedaladas vai julgar a presidente por pedaladas? Além do Brasil sercomandado por ladrões confessos Temer e E. Cunha, ainda temos mais essa.
    Nei Cebola

  2. Ivan Valente (PSOL) já descobriu que o senador Anastasia, quando governador, também deu suas pedaladas. O golpe contra a democracia na Câmara foi dado por um bando de deputados que usaram litros de óleo de peroba para tornar suas caratonhas mais apresentáveis na TV. No senado, a substância a ser usada é o verniz mas a cara de pau é a mesma.

  3. Acredito que já está selado e fim do Governo Dilma, nem os anjos acreditam na imparcialidade, na impessoalidade e na sinceridade do relator.

    Pois já de cara é membro do PSDB, amigo pessoal do Aécio e alguém em sã consciência acredita que ele irá realizar um relatório impessoal e imparcial no julgamento das questões que levaram a Presidente Dilma a enfrentar um impeachment.

    Sinceramente a Presidente deveria era solicitar que fosse realizado novas eleições para Presidente da República, pois ninguém acredita nesta turma que está por vir.

    O Brasil não terá paz até 2018 e nem Temmer, Aécio, FHC e Cunha conseguirão governar o Brasil sem enfrentar conflitos tanto no campo quanto nas cidades.

    Até li em jornal local da velha mídia que a Associação Ruralista do Agronegócio, solicitou ao Temmer que convoque o Exército Brasileiro contra os manifestantes pró Dilma ou melhor dizendo contra o MST em caso de invasões de terras.

    Acho que o Exército Brasileiro tem papel mais nobre do que servir a este propósito. O Exército Brasileiro com certeza terá que manter a ordem pública tanto na cidade quanto no campo e não porque um bando de latifundiários querem, mas sim para proteger famílias contra possíveis agressores de ambos os lados das trincheiras.

    Pois os ânimos estão acirrados de ambas as partes e o risco é grande e real de conflitos urbanos e até nas áreas rurais. Porque se um lado está soltando foguetes pelo fim do Governo Dilma ou outro lado já está com a faca na boca e com sangue nos olhos por estarem se sentido traídos pela perda dos 54 milhões de votos.

    Sinceramente o Brasil só terá paz se o Senado colocar e pauta novas eleições e também se Temmer for conduzido junto com a Presidente pelo mesmo caminho do impeachment.

    E digo mais, um homem que nega a verdade como ele nega que não move um palha para barrar o governo da Presidente Dilma, para mim é um homem sem honra, sem palavra e mentiroso.

    Pois mente para os brasileiros que acreditam que ele é o salvador da pátria e não estou me referindo ao ricos, pois para estes tanto faz quanto fez, aliás até ficará melhor para eles. A bucha na verdade vai é para os pobres assalariados e classe média burguesa que pensam que ele irá valorizar o poder aquisitivo salarial.

    Quem trabalhava na Era FHC, sabe que eles são vendilhões do patrimônio público a preço de banana, são favoráveis a FIEP que só visa lucro de seus associados e não está nem aí para a classe trabalhadora.

    Eu como trabalhador e assalariado, que construí minha vida com muito suor, não aceito um retrocesso na vida dos trabalhados. Nunca precisei de ajuda do governo para viver e nem precisaria, pois tenho saúde que Deus me deu para viver a vida com dignidade.

    Mas saber que o arrocho será maior daqui para frente, é bastante estressante, já que terei aumentos significativos em minhas contas, vide Paraná onde tivemos reajustes de energia elétrica acima do índice nacional, fornecimento de água e demais tributos. Até privilégios as operadoras de pedágio com uma renovação de mais 20 anos e com aumentos significativos nos valores.

    Isso é PSDB e tem gente que acha o PT o inimigo do povo.

    Vamos ver depois de algum tempo, quem tinha razão. Os pró Dilma ou os contra Dilma. O tempo é o senhor da verdade e ela virá a galope para muita gente que ficou na frente da FIEP e ganha salário para viver.

    • QUEM VIVEU SABE, BRASILEIRO INDIGNADO, TBEM VIVI AQUELES GOVERNOS DE ARROCHO, PRIVATIVACOES DAS NOSSAS MELHORES EMPRESAS, A PRECOS……, MUITOS QUE ESTAO APOIANDO, NAO ESTIVERAM LA.SEU COMENTARIO E SHOW, ASSINO EM BAIXO. FORA GOLPISTAS/ GANHEM NAS URNAS.

      • Obrigado, e sei que não somente eu e você está indignado com a atual situação política brasileira.

        Agora vamos imaginar se no futuro outro Presidente der lá sua pedaladas, será que haverá impeachment? Ou será que irão fazer vista grossas?

        A verdade é uma só somos uma democracia que um pouca mais de trinta anos e hoje estamos colocando ela em risco. Neste momento a história brasileira está sendo apagada. O movimento Diretas Já!

        Já foi algo do passado. A sua ideologia por um país democrático, em que seus governantes seriam escolhidos pela força do voto, isso hoje foi rasgado.

        E vou dizer mais. Este que hoje acusam a Presidente Dilma deveria era passar por uma acareação para que todos saibam a verdade. Pelo que li o Anastácio quando governador em MG ou Prefeito de BH deu suas pedaladas, o Aécio esta sendo repetidamente citado nas delações premiadas e relacionado a Furnas, em São Paulo, Alckmin está destruindo a educação, como aqui no Paraná o Beto Richa.

        Isso é só um pequeno exemplo de que nada irá mudar, com certeza irá piorar, pois como disse, vivi a Era FHC, tinha meu salário congelado, e a inflação comendo souta, os financiamentos para casa própria era impraticáveis para os assalariados e por ai vai.

        Portanto como eu quero resgatar a democracia idealizada lá nos anos 80 com Diretas Já ! E quero novas Eleições Já!

  4. Mas bah! Será que não se deram conta que os larápios do Congresso Nacional estão unidos e armados de todas as artimanhas, sem contar os Grandes Componentes do STF que não estão nem um pouco preocupados com a situação, acredito que seria a hora de um levante por eleições diretas e, se possível, em todos os níveis. Assim, seria dada oportunidades de se ganhar no VOTO e não de se tentar assumir a Presidência da República na base da traição, como atualmente está ocorrendo. Diretas NELES JÁ.

  5. E o que vamos ganhar de lá, o mesmo da casa1, ou pior, A ALIANCA DO GOLPE TAMBEM ESTA LA, DILMA CONVOQUE ELEICOES DIRETAS JA, LULA, DILMA E CIRO GOMES, ALIANCA DO POVAO, e tem que ser ELEICOES GERAIS,os DEPUTADOS FEDERAIS TAMBEM TEM QUE, VOLTAREM AS URNAS. FORA TRAIRAS GOLPISTAS

    • E sera que o digníssimo RELATOR, vai se lembrar, das suas PEDALADAS QDO GOVERNADOR , OU JA ESTA COM A MEMORIA CURTA?, DILMA ACABE ESSA FARSA: DIRETAS JA!!

  6. É … começaram bem a coisa toda … um cara, tucano, como relator … vai contra tudo o que as regras normativas do próprio senado (e outros julgamentos) se apresenta … mas, regras … pra que regras? normas? leis? … lá quem manda são os ratos …