Líderes alertam para novas manobras de Cunha contra o governo 

Nesta terça-feira (6), o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), receba o pedido de impeachment do vice-presidente Michel Temer. Para o líder do PCdoB na Câmara, deputado Daniel Almeida (BA), a decisão do Supremo é coerente, mas deixa claro, mais uma vez, que todo esse processo de impeachment é absolutamente artificial, deslegitimado e de cunho político. 
Fonte: Portal Vermelho

Comentários encerrados.