aurelio_temer_cunha

| Comente agora

Presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), pode ser responsabilizado criminalmente se descumprir ordem do Supremo para iniciar o processo de impeachment do vice-presidente Michel Temer (PMDB-SP); alerta foi dado nesta terça-feira (5) pelo ministro Marco Aurélio Mello, do STF. “É impensável que não se observe uma decisão do Supremo. A decisão não é do cidadão Marco Aurélio, é do Supremo”, salientou.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.