Defesa de Dilma na comissão do golpe no Senado; acompanhe

Cardozo diz que processo de impeachment é nulo

Ministro da Advocacia-Geral da União (AGU), José Eduardo Cardozo, disse na sessão da comissão especial do impeachment do Senado que o processo que analisa o afastamento da presidente Dilma Rousseff é nulo. “Esse processo é nulo e o Senado tem o dever de analisar isso”, disse Cardozo. Segundo ele, caso o processo seja levado adiante, será consumado um “golpe” no país; “O impeachment é um golpe de Estado? Pode ser ou não ser. Se for respeitado o devido processo legal, não é golpe. Se for feito em desconformidade, aí é golpe sim”, afirmou; “Esse processo não está sendo realizado em conformidade com a Constituição. Se consumado o impeachment nesses moldes, haveria um golpe”, completou.

Com informações do Brasil 247.

Comentários encerrados.