‘Comissão da vingança’ tenta aprovar hoje relatório pró-golpe

Daqui a pouco, a partir das 10 horas, com transmissão ao vivo aqui no Blog do Esmael, será reinstalada a 'comissão da vingança' na Câmara, que buscará aprovar hoje o relatório pró-golpe, contra a democracia; imprensa norte-americana tipificou a maioria dos parlamentares desse colegiado como sendo integrantes do "Sindicato dos Ladrões"; contendores nessa 'guerra parlamentar', que será retomada logo mais, terá aliados externos: de Cunha, por exemplo, além do PSDB, também juntará a velha mídia golpista; do lado da democracia, os movimentos sociais, os trabalhadores, o povo, e intelectuais; caso a comissão da vingança acolha relatório feito sob encomenda de Cunha, o mesmo seguirá para votação em plenário, que exigirá o quórum qualificado na Câmara para impedir a presidente da República – dois terços ou 342 votos de parlamentares – o que porá o golpe tão distante da realidade quanto o é a Terra do Céu.

Daqui a pouco, a partir das 10 horas, com transmissão ao vivo aqui no Blog do Esmael, será reinstalada a ‘comissão da vingança’ na Câmara, que buscará aprovar hoje o relatório pró-golpe, contra a democracia; imprensa norte-americana tipificou a maioria dos parlamentares desse colegiado como sendo integrantes do “Sindicato dos Ladrões”; contendores nessa ‘guerra parlamentar’, que será retomada logo mais, terá aliados externos: de Cunha, por exemplo, além do PSDB, também juntará a velha mídia golpista; do lado da democracia, os movimentos sociais, os trabalhadores, o povo, e intelectuais; caso a comissão da vingança acolha relatório feito sob encomenda de Cunha, o mesmo seguirá para votação em plenário, que exigirá o quórum qualificado na Câmara para impedir a presidente da República – dois terços ou 342 votos de parlamentares – o que porá o golpe tão distante da realidade quanto o é a Terra do Céu.

Daqui a pouco, a partir das 10 horas, com transmissão ao vivo aqui no Blog do Esmael, o Brasil e o mundo assistirão a reinstalação da ‘comissão da vingança’ na Câmara, que tentará aprovar hoje o relatório pró-golpe contra a democracia.

É chover no molhado dizer que a presidente Dilma Rousseff, uma mulher honesta, está sendo julgada por um bando de achacadores. A imprensa norte-americana tipificou a maioria dos parlamentares da comissão da vingança como sendo integrantes do “Sindicato dos Ladrões”.

A comissão da vingança, também conhecida como comissão do impeachment, foi denunciada pela primeira vez pelo ministro José Eduardo Cardozo, advogado de defesa de Dilma.

Segundo o ministro da Advocacia Geral da União (AGU), o colegiado fora instalado como vingança do presidente da Câmara contra Dilma porque ela — revelou Cardozo — não garantiu a Eduardo Cunha (PMDB-RJ) os votos dos deputados petistas na comissão de ética que o investiga por corrupção.

Pelo sim pelo não, os contendores na ‘guerra parlamentar’ que será retomada logo mais terá aliados externos. Do lado de Cunha, por exemplo, além do PSDB, a velha mídia golpista. Do lado da democracia, os movimentos sociais, os trabalhadores, o povo, e intelectuais.

O roteiro desta segunda-feira (11) promete ser bastante cansativo, pois 27 líderes partidários estão inscritos para fazer o uso da palavra, bem como o relator da comissão da vingança, deputado Jovair Arantes (PTB-GO), e o próprio ministro Cardozo.

A comissão da vingança tem 65 membros. Entretanto, quem esperar condenação ou absolvição unânime da presidente sairá frustrado. O resultado será apertado de um lado ou de outro.

Caso a comissão da vingança decida pelo acolhimento do relatório feito sob encomenda de Cunha, o mesmo seguirá para votação em plenário. É aí é que são elas, pois o quórum qualificado na Câmara para impedir a presidente da República – dois terços ou 342 votos de parlamentares – põe o golpe tão distante da realidade quanto o é a Terra do Céu, ou seja, matematicamente impossível, segundo a própria velha mídia golpista.

 

Comentários encerrados.