gleisi_economia

| Comente agora

Senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), em sua coluna desta segunda-feira (4), reconhece que há uma crise econômica no país, mas vê mais motivos para comemorar; segundo a parlamentar, as reservas internacionais na casa dos U$ 370 bilhões, que dão credibilidade aos investimentos externos, e a rede de proteção social, através do Bolsa Família, maior inclusão previdenciária, valorização do salário mínimo, que protege os mais pobres, e a diversificação da economia, “são pilares fortes que nos permitem enfrentar a crise em curso”; Gleisi garante que há retomada da economia, entretanto, atribui à velha mídia retórica pessimista e agourenta que não alivia. “Assim, as boas notícias na área da economia ficam embaçadas, escondidas. Mas vamos a elas”, lamenta a capitã antigolpe, que ainda destaca a área externa como a que tem recuperação mais acentuada; Gleisi Hoffmann, que é presidente da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, adianta que o governo enviará ao Congresso Nacional proposta para não cumprir o superávit este ano; “A prioridade deve ser proteger o emprego e a renda”, afirma a senadora; abaixo, leia, comente e compartilhe o texto.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.