Collor apresenta “plano de reconstrução” a Temer. Vem aí novo confisco da poupança?

collorO vice Michel Temer é cercado de incertezas e inseguranças. A mais nova delas atende pelo nome de Fernando Collor de Mello, senador, ex-presidente cassado por corrupção em 1992.

Pois bem, nesta terça-feira (26), Collor disse que apresentou um “plano de reconstrução” a Temer. Essa revelação deu trinta tipos de medo naqueles que sofrem na pele o confisco da poupança há 24 anos.

O ex-presidente desconversa dizendo que o plano foi elaborado por senadores do PTB, PSC, PRB, PTC e PR.

“Pedimos a audiência para apresentar a ele [Temer], como já apresentamos ao Senado, à sociedade, e também ao Palácio do Planalto, um programa fruto de estudos realizados pelo próprio bloco de reconstrução nacional. Uma série de observações que entendemos importantes para que, em sendo seguidas, possam retirar o país da crise”, disse Collor.

Com informações da Agência Brasil.

9 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I simply want to mention I’m beginner to blogs and honestly enjoyed this website. Very likely I’m want to bookmark your website . You really come with good articles. Appreciate it for sharing your web-site.

  2. tão armando confisco da poupança.

  3. Collor é um lixo! Aceitar plano de governo de um lixo?!! Começa mal o Temer…

  4. Será que pode acontecer como no Governo Collor ,onde bloquearam as poupanças dos Brasileiros ? Precisamos ficar atentos para não sermos pegos novamente ! Dessa cambada de ladrões pode se esperar de tudo,menos que vão ajudar Brasileiros pobres e desempregados e fazer o País crescer ! Vai ter dia que vão sentir saudades de Dilma e Lula !

  5. E A VOLTA, CONFISCO A POUPANCA E CACADA AOS MARAJAS, JA VIMOS ESSE FILME, KKKKK, FORA GOLPISTAS.

  6. Muitos pediram a saída da Dilma. E boa parte destes verão que o remédio é muito pior do que o mal a ser curado. Principalmente os assalariados que terão seus direitos trabalhistas destruídos; os pequenos empresários que serão demolidos pela ação predatória da gangue da FIESP e da FEBRABAN; e a população como um todo que verão o SUS, a previdência e a educação sendo destruídos para que esse “custo social” seja repassado aos banqueiros, latifundiários e para a Globo. Dias negros virão e arrependimento não irá resolver a situação…

  7. O Plano deve ser:
    * Investir pesado em publicidade para ter a imprensa só dando notícias positivas do governo e encobrindo os problemas.
    * Investir pesado no judiciário, com a ampliação auxílios moradia, paletó, etc. para ter a turma do lado deles e arquivar os processos que prejudiquem aliados.

    O restante faz de conta que está investindo e preocupado e se tiver greves manda a polícia descer o cassete que o judiciário deixará impune e a imprensa vai tratar de minimizar os fatos. Alguma semelhança com governos tucanos???

  8. Deve ser o plano salvemo-nos.

    Pois ir ao banco e ver seu salario bloqueado não tem preço.

    E depois de anos de inflação retirar a poupança e ver que não vale 1/3 do poder aquisitivo anterior também não. Os imoveis valorizam numa situação caótica. Quem estava comprando não comprou nunca mais.

    Mas os ricos enfiados nos órgãos públicos souberam antes. E não foram pegos.Obvio.

    Não acredito que ousem. Mas o que falta ao Brasil atual?

  9. Já ganharam.todo mundo só vai assistir essa barbárie, sem fazer nada.porque só fala-se mas não tomam atitude alguma não existe mais leis, não existe democracia.apenas segue-se um rito que nos levará ao inferno.