Após golpe contra Dilma, deputado do Paraná defende anistia a Cunha

serraglio_cunhaO deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR), que foi relator do mensalão, na Câmara, defendeu “anistia” para o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

“Eduardo Cunha exerceu um papel fundamental para aprovarmos o impeachment da presidente. Merece ser anistiado”, disse o parlamentar paranaense.

Pesa sobre Cunha a acusação de quebra de decoro parlamentar por ter negado à CPI da Petrobrás, em março de 2015, que possuía contas secretas em paraísos fiscais.

Dá para levar a sério esse “combate” à corrupção de Serraglio e Cunha? Vale a pena tirar a presidente Dilma Rousseff para colocar essa cambada no lugar? Sim ou não?

Portanto, a anistia a Cunha, eis a prova concreta do objetivo do impeachment aprovado ontem (17) pela Câmara. É preciso desenhar? Sim ou não?

Com informações Congresso em Foco e Brasil 247.

Comentários encerrados.