Perdeu, Globo: dois milhões foram às ruas contra o golpe no Brasil

Dia 31 de março de 2016 entrou para a História como o Dia do Antigolpe. A antítese de 31 de março de 1964, quando teve golpe. Hoje, cerca de 2 milhões de pessoas foram às ruas para dizer que "Não Vai Ter Golpe" no Brasil e no mundo; destaque na mobilização desta quinta-feira foi Brasília, que reuniu 200 mil brasileiros e brasileiras; maior perdedora foi a TV Globo, que perdeu a batalha da comunicação para as redes sociais; prevaleceu a narrativa que há luta do #BrasilContraOGolpe; Globo perdeu, ganhou a TV Brasil -- que é estatal --, candidatíssima a herdar o sinal da golpista – ocupante de concessão pública; Brasil e o mundo disseram hoje em alto e bom tom que #NãoVaiTerGolpe!

Dia 31 de março de 2016 entrou para a História como o Dia do Antigolpe. A antítese de 31 de março de 1964, quando teve golpe. Hoje, cerca de 2 milhões de pessoas foram às ruas para dizer que “Não Vai Ter Golpe” no Brasil e no mundo; destaque na mobilização desta quinta-feira foi Brasília, que reuniu 200 mil brasileiros e brasileiras; maior derrotada foi a TV Globo, que perdeu a batalha da comunicação para as redes sociais; prevaleceu a narrativa de que há luta do #BrasilContraOGolpe; Globo perdeu, ganhou a TV Brasil — que é estatal –, candidatíssima a herdar o sinal da golpista – ocupante de concessão pública; Brasil e o mundo disseram hoje em alto e bom tom que #NãoVaiTerGolpe!

Dia 31 de março de 2016 entrou para a História como o Dia do Antigolpe. A antítese de 31 de março de 1964, quando teve golpe. Hoje, cerca de 2 milhões de pessoas foram às ruas para dizer que “Não Vai Ter Golpe” no Brasil e no mundo.

O destaque foi Brasília, que reuniu 200 mil brasileiros e brasileiras.

A maior derrotada foi a TV Globo, que perdeu a batalha da comunicação para as redes sociais. Prevaleceu a narrativa #BrasilContraOGolpe. A emissora dos Marinhos fogem da palavra “golpe” como o diabo foge da cruz.

Se a Globo perdeu, ganhou a TV Brasil — que é estatal –, candidatíssima a herdar o sinal da golpista – que é uma concessão pública.

A televisão do governo brasileiro deu um show de transmissão, bem como outras tevês como a TVT, TV 15 e de entidades como Perseu Abramo.

O Brasil e o mundo disseram hoje em alto e bom tom que #NãoVaiTerGolpe!

PS: A Globo não perdeu só no asfalto hoje, também levou uma sova no tribunal — o STF; na verdade, seu fornecedor de grampos ilegais tomou uma goleada de 9 a um.

Comentários encerrados.