Moro também perde para o STF jurisdição sobre João Santana

Advogado criminalista Fábio Tofic, responsável pela defesa jurídica de João Santana, por meio de nota, informou nesta segunda-feira (28) que o juiz Sérgio Moro perdeu a jurisdição para o Supremo Tribunal Federal (STF). “Essa investigação deveria ter sido enviada ao STF há mais tempo. Pelo menos desde quando se cogitou a relação dos fatos com as eleições presidenciais de 2014”, declarou o defensor do publicitário e da mulher dele.

Advogado criminalista Fábio Tofic, responsável pela defesa jurídica de João Santana, por meio de nota, informou nesta segunda-feira (28) que o juiz Sérgio Moro perdeu a jurisdição para o Supremo Tribunal Federal (STF). “Essa investigação deveria ter sido enviada ao STF há mais tempo. Pelo menos desde quando se cogitou a relação dos fatos com as eleições presidenciais de 2014”, declarou o defensor do publicitário e da mulher dele.

O advogado criminalista Fábio Tofic, responsável pela defesa jurídica de João Santana, por meio de nota, informou nesta segunda-feira (28) que o juiz Sérgio Moro perdeu a jurisdição para o Supremo Tribunal Federal (STF).

A defesa do ex-publicitário do PT e sua mulher, Monica Moura, comentou a decisão da Procuradoria Geral da República de fazer a denúncia contra o casal e a remessa das investigações, pelo juiz da 13ª Vara Federal de Curitiba, para o STF.

“Essa investigação deveria ter sido enviada ao STF há mais tempo. Pelo menos desde quando se cogitou a relação dos fatos com as eleições presidenciais de 2014”, declarou Tofic.

Esta é a segunda vez que o juiz Sérgio Moro perde a jurisdição sobre investigados para o STF. A primeira ocorreu na semana passada, depois que o magistrado da Lava Jato divulgou grampos ilegais nas conversas da presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Comentários encerrados.