Ministro ‘supersincero’ do STF sobre o PMDB: ‘Meu Deus do céu! Essa é a nossa alternativa de poder’

Ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, nesta quinta-feira (31), reverberou o que muitos brasileiros pensam sobre o golpe contra o mandato de Dilma Rousseff e a alternativa oposicionista à atual presidente da República; “Meu Deus do céu! Essa é a nossa alternativa de poder. Eu não vou fulanizar, mas quem viu a foto sabe do que estou falando", afirmou; declaração ocorreu hoje à tarde durante votação que cassou, por 9 votos a um, jurisdição do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, de investigar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, nesta quinta-feira (31), reverberou o que muitos brasileiros pensam sobre o golpe contra o mandato de Dilma Rousseff e a alternativa oposicionista à atual presidente da República; “Meu Deus do céu! Essa é a nossa alternativa de poder. Eu não vou fulanizar, mas quem viu a foto sabe do que estou falando”, afirmou; declaração ocorreu hoje à tarde durante votação que cassou, por 9 votos a um, jurisdição do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, de investigar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, nesta quinta-feira (31), reverberou o que muitos brasileiros pensam sobre o golpe contra o mandato de Dilma Rousseff e a alternativa oposicionista à atual presidente da República.

“Quando, anteontem, o jornal exibia que o PMDB desembarcou do governo e mostrava as pessoas que erguiam as mãos, eu olhei e: Meu Deus do céu! Essa é a nossa alternativa de poder. Eu não vou fulanizar, mas quem viu a foto sabe do que estou falando”, afirmou o ministro.

Na terça-feira (29), em apenas três minutos, uma reunião do diretório nacional do PMDB aprovou o “rompimento” com o governo federal. Entretanto, conforme registrou o Blog do Esmael, peemedebistas seguiam indicando pessoas para cargos em agências estatais.

Hoje à tarde, por 9 votos a favor e um contra, o STF confirmou a cassação da jurisdição do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, de investigar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O relator do processo, ministro Teori Zavascki, criticou o magistrado paranaense pela divulgação de escutas telefônicas ilegais com conversas entre Lula e a presidente Dilma Rousseff.

19 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Bom se o PMDB SAIU DA BASE DO GOVERNO, SE O PMDB NÃO É MAIS ALIADO AO PT, E ATÉ OBRIGOU A TODOS PMDBISTAS A DEIXAREM OS CARGOS MINHA PERGUNTA É QUANDO MICHEL TEMER PEDIRÀ. EXONERAÇÃO OU MELHOR QUANDO ELE ENTREGARÁ O SEU CARGO?

  2. Eminente ministro Barroso, verdadeiro juiz, sempre discreto, exercendo tao nobre missao como verdadeiro sacerdocio falou com expontaneidade o que lhe saiu da alma Concordo que os culpados devam ser julgados e punidos, mas dentro do que reza a constituicao, e que juizes que nao seguem a constituicao ferindo o estado de direito, tambem devam ser julgados e punidos, pois somos todos iguais perante a lei, me pergunto todo o tempo, nao so eu, mas o mundo inteiro, que autoridade tem esses politicos com listas imensas de processos por crimes reais, para querer impedir Dilma? esse Cunha com esses deputados, quadrilheiros, que a unica coisa que os une sao proprinas, claramente distribuida por Cunha, espero que a justica tire esse homem do poder, pois temos o risco de te-lo com presidente com toda essa corja, MEU DEUS DO CEU! Supremo pelo AMOR DE DEUS e dos brasileiros, esta na hora de agirem! SOCORRO! Ministros de bom senso, ja passou da hora de agirem, mas ainda e tempo, pois ficara na historia, nom meu mais de meio seculo de vida, nunca vi nada igual, esses oportunistas que nao ganham no voto, covardes e machistas, que se a presidente fosse homem garanto que os covardes respeitariam, estao engolindo o Supremo! Estou indignada por tantos arbitrios! Socorro!

  3. Eu concordo com todas às prisões, feitas até aqui pela Operação Lava Jato, mas precisa prender também a turma do PP, PSDB, PMDB e outros que roubaram dinheiro público dos brasileiros, nã pode ser somente os PETISTAS.

  4. O PSICOPATA JUIZ, E SUA OBSESSÃO POR LULA

    Ricardo Edmundo Cecconello, em 01 de abril de 2.016, ainda confiante no STF.

    A justitia brasileira capenga para a sarjeta, com as peripécias de um obcecado pelo seu partido político?

    Afinal, o Supremo Tribunal Federal vai dar guarida a um desvairado apologista, magistrado desvairado e criminoso, que ousou abusar da Lei de Segurança Nacional,. e mandou grampear o gabinete da Presidência da Répública para alimentar o fogaréu da famigerada classe maldita política, na caminhada fascista pelo impeachment de uma Presidenta inocente de qualquer crime de responsabilidade?

    Ou algum Juiz de primeira à última instância nacional duvida que os fins para o Moro justificaram os meios e riscos, para ele mandar soltar as gravações particulares na Globo? E agora copia a revista pernóstica Veja para pedir desculpas ao STF, réu confesso que foi longe demais?

    Qual outro motivo teria o pernóstico, se não fosse para atiçar mais e mais o povaréu obtuso para a caminhada de 13 de março?

    Seria a mesma coisa que algum Magistrado brasileiro dizer que a revista Veja não teve nenhuma intenção politiqueira criminosa, quando divulgou aquela lamentável capa sobre Lula e Dilma nas vésperas das eleições de 2.014: “ELES SABIAM DE TUDO”.

    Claro que sabemos, e isto está claro para mim, portanto é minha certeza absoluta, que o Supremo Tribunal Federal, em sua grande e sadia maioria, deveria, sim, já ter julgado a responsabilidade crimine da Presidenta Dilma.

    E por que não?

    Me digsm qual a vantagem para o Brasil ficar na incerteza de ambos lados gladiadores, paralizando o País, envolvido em disputas políticas pelo poder, e pela manutenção do poder, que está atrapalhando deveras a Presidenta Dilma governar?

    Não estaria mais fácil a resolução do problema, se, e somente se, o Supremo tivesse norteado a direção do que teria sido CRIME DE RESPONSABILIDADE cometido, ou não cometido pela Presidenta Dilma?

    Apenas com o propósito sadio de “tranquilizar” cabeças psicóticas, e algumas golpistas, e o Brasil voltar a ser governável por quem foi eleita democraticamente?

    Ademais, a mais, não vejo vantagem alguma para a Nação, sequer para a Justiça plena brasileira, que Eduardo Cunha tenha o “condão” de julgar a Presidenta, e, usando todos os subterfúgios e chicanas, nele reconhecidos até pelos comparsas, continue comandando a revolução brasileira do crime organizado no poder, e atrapalhando seu próprio julgamento no Conselho de Ética, ameaçando e coagindo deputados, senadores, e testemunhas da acusação do PGR, dizendo em altos gritos que se ele “for preso”, a maioria do Congresso e Judiciário cairá com ele?

    Que poder tem qualquer brasileiro para gritar assim, em plenário, suas ameaças, que já configuram crime?

    Aliás, é bom que se diga, até com certa minha soberba, que a mulher do Eduardo Cunha já teria que ter sido ouvida na Lava Jato, como acusada que foi como co autora de crimes graves, pelo PGR Janot, e sendo conduzida, coercitivamente, pelo plantel absolutista da 13² Vara Federal de Curitiba.

    Como a Senhora Cruz do Cunha não detém foro privilegiado, causa profunda estranheza o Moro mandar prender, até mesmo pretensos inocentes para a tortura, e a mulher do Cunha, já acusada formalmente pelo PGR brasileiro, ainda continue imune, isenta e confortavelmente, graças à justiça para uns, e tremenda injustiça para outros, esperando Godot?

    Como brasileiro cansado dessa luta entre irmãos, e lutas de classes populares, algumas promovidas e financiadas por refinados larápios já citados em delações premiados no processo Furnas ou, principalmente, na Operação Lava Jato, gostaria que o nosso Tribunal Maior, que sempre foi fiel e intransigente defensor da Justiça, me fizesse a caridade de esclarecer, a todo o povo brasileiro, sem covardia alguma, se a Presidenta Dilma Rousseff cometeu algum crime de responsabilidade que poderia resultar em impeachment, segundo o que reza nossa Constituição de 1988, nem mais, nem menos do que a nossa Constituição diz.

    É o que um cidadão brasileiro, sempre unido com seu inseparável amigo Parkinson, desejaria ver julgado, quiçá opinado pelos juristas maiores do Brasil, que ocupam assento no SUPERIOR TRIBUNAL FEDERAL, para isso mesmo:

    PARA TRANQUILIZAR A NAÇÃO E, PRINCIPALMENTE, E OBJETIVAMENTE, TANTOS ÂNIMOS EXALTADOS.

    Em tempo, senhores Excelências Ministros do STF, agitem o caldo para sossegar o creme, antes que apareçam os cadáveres da guerra civil e, irremediavelmente, entorne a Justiça brasileira para o ralo do esgoto da história.

    http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/223216/MP-reconhece-Dilma-n%C3%A3o-interferiu-na-Lava-Jato.htm

  5. PMDB É UM PARTIDO JUDAS – BRASILEIROS DETESTAM TRAIDORES

  6. Isse sim é um Ministro de respeito!!!

  7. Falta fazer uma matéria sobre o roubo de dinheiro da CELESC em SC, pelo atual vice-governador Pinho Moreira(o da direita na frente da foto)
    http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-longa-ficha-suja-do-pmdb-de-santa-catarina-o-primeiro-a-romper-com-o-governo-por-aline-torres/

  8. A cara de cínico do Cunha

  9. Vem cá! O Moro não vai ser punido,não?

    • Quem levanta bandeira de “justiça” quando erra,deve ser punido também !!! Justiça é para todos!
      PUNIÇÃO PARA O SÚPER MORO!

  10. Em uma fração de segundos, o ilustre Ministro teve a visão do inferno. Deve ser horrivel mesmo ver o Diabo em carne e osso, comendo mariola. Com oração, o cão se afasta. Deus é mais.

  11. Assisti quando sabatinado, no senado, o Ministro Barroso!
    Em suas explanações se percebia humildade, coerência e muita sabedoria…Ministro como ele, é o que faz, o povo vir a ter Respeito, não receio, pelo STF.

  12. O Ministro Barroso sabe do que está falando.
    Dirá o mesmo em uma convenção do PSDB que inclua FHC, Serra, Alckmin, Aécio e Richa…
    Canalhas são canalhas.
    E sempre serão.

  13. Suegestão: Deveria ser melhor redigido o texto para ex-presidente Ministro Luiz Inácio Lula da Silva.