arruda_moro_s_globo

| Comente agora

Sérgio Moro, da Operação Lava Jato, já não é mais unanimidade nacional, como revelou o instituto Vox Populi, mas mantém com a Rede Globo e o sistema “S” – ambos têm projeto de derrubar o governo Dilma Rousseff; na próxima quinta-feira, 10 de março, em Curitiba, Moro e o jornalista William Waack — do elenco da emissora fluminense — debaterão “corrupção” na Federação das Indústrias do Paraná (Fiep); sistema “S” é apontado como um dos maiores sonegadores de impostos do país, e, segundo o deputado federal João Arruda (PMDB-PR), o prejuízo ao erário pode ultrapassar R$ 18 bilhões ao ano; parlamentar propõe a criação de uma CPI para investigar desvios para a especulação no mercado financeiro.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.