globo_stf

| Comente agora

E a ministra Carmem Lúcia, que será a próxima presidente do Supremo Tribunal Federal, exalta a Operação Lava Jato, “que cumpre as leis”, e também diz que o impeachment “não é golpe” por estar previsto na Constituição – um truísmo, pois golpe, como afirmou a presidente Dilma Rousseff, é um impeachment sem crime de responsabilidade, como está ocorrendo no seu caso, sob intensa pressão da Globo; nos últimos dois anos, a emissora da família Marinho deu o prêmio Faz Diferença para dois juízes: Joaquim Barbosa e Sergio Moro, numa clara estratégia de cooptação do Poder Judiciário; dois ministros do STF, Marco Aurélio Mello e Teori Zavscki, definiram como crime a divulgação de grampos ilegais da presidente Dilma Rousseff. E agora, diante dessa parceria Globo-STF, a quem os cidadãos comuns poderão recorrer?

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.