Dilma: tentativa de “impeachment cautelar” para impedir Lula em 2018

Dilma Rousseff disse neste sábado (5) que Lula foi vítima de tentativa de "impeachment cautelar" visando impedi-lo de disputar as eleições de 2018; presidente realizou visita de solidariedade ao antecessor, em São Bernardo do Campo; militantes do PT fizeram vigília em frente à residência do petista; juristas apontam que Lula foi vítima de um sequestro, pois, de acordo com eles, juiz Sérgio Moro pretendia encaminhar encaminhá-lo para Curitiba, mas recuou diante das manifestações em todo o país; próximo enfrentamento, entre defensores da legalidade e adeptos da parceria Moro-Globo, deverá ocorrer nas ruas de todo o país no próximo dia 13 de março.

Dilma Rousseff disse neste sábado (5) que Lula foi vítima de tentativa de “impeachment cautelar” visando impedi-lo de disputar as eleições de 2018; presidente realizou visita de solidariedade ao antecessor, em São Bernardo do Campo; militantes do PT fizeram vigília em frente à residência do petista; juristas apontam que Lula foi vítima de um sequestro, pois, de acordo com eles, juiz Sérgio Moro pretendia encaminhar encaminhá-lo para Curitiba, mas recuou diante das manifestações em todo o país; próximo enfrentamento, entre defensores da legalidade e adeptos da parceria Moro-Globo, deverá ocorrer nas ruas de todo o país no próximo dia 13 de março.

A presidente Dilma Rousseff disse neste sábado (5) que seu antecessor, Lula, foi vítima de tentativa de “impeachment cautelar” visando impedi-lo de disputar as eleições de 2018.

Dilma realizou visita de solidariedade ao ex-presidente Lula, em São Bernardo do Campo, onde permaneceu uma hora na casa dele.

A residência de Lula ficou durante o dia sob vigília de militantes do PT, que também foram desagravá-lo pela condução coercitiva à Polícia Federal, no aeroporto de Congonhas.

Para muitos juristas, o ex-presidente foi vítima de um sequestro.

O juiz Sérgio Moro, da Lava Jato, pretendia encaminhar Lula para Curitiba, mas recuou diante das manifestações em todo o país.

No próximo dia 13 de março, defensores da legalidade e adeptos da parceria Moro-Globo prometem disputar as ruas.

3 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. O JUIZ MORO, NÃO PODE SE FILIAR A PARTIDOS POLÍTICOS, NA TEORIA. AGORA NA PRÁTICA ÉLE É FILIADO AO PSDB. PORQUE ELE NUNCA INVESTIGOU ALGUM POLÍTICO DO PSDB, DO PP, DO PPS E OUTROS PARTIDOS QUE QUEREM POR TODO CUSTO DERRUBAR A DILMA. OS POLÍTICOS DO PSDB ESTÃO CHEIOS DE PEPINOS GRANDES, COMO EXEMLO O GOVERNADOR DE SÃO PAULO, O GOVERNADOR DO PARANÁ, E NÃO SÃO INVESTIGADOS? PORQUE? RESPONDA MORO.

  2. O impedimento, ou mesmo a cassação de Dilma está por um fio e o convite para Lula passar alguns anos na Papuda está sendo impresso.
    Essa de vitimismo e arroto de enfrentamento não cola mais. O povo está esperto.

  3. hipocrisias a parte, a tal da CRISE foi engendrada pelo Juiz Moro no intuito de gerar os argumentos para derrubar a Dilma, detonou a economia brasileira, levou milhares de empresários a banca rota, jogou milhões de brasileiros na rua, provocou um prejuízo TRILHIONÁRIO aos cofres públicos só para satisfazer seu próprio ego.
    Quem vai pagar pelo delírio de Nero do Juiz Moro?

    Cada nova fase da Operação “GLOBOJATO” corresponde a 500 mil brasileiros perdendo seus empregos………perguntar se há alguma preocupação quanto ao descalabro econômico que o EFEITO MORO está provocando na economia e na família brasileira …ou se é mesmo uma higienização social promovida pelos paneleiros que o apoiam.
    No entanto era bom dar os parabéns por ter resgatado o Lula transformando-o numa LENDA mesmo patamar do Martin Luther King ou Mandela.
    E quanto a delação do Delcídio…ele falar que sabia que o Lula sabia é a mesma coisa que assinar a sentença porque se sabia e não denuncio mesmo sendo senador da república é porque fazia parte……é surreal.
    E mais uma será que especuladores financeiros se locupletaram com a subida das ações da Petrobras via vazamento da do dia e hora da 24º operação da “Globo Jato”?
    È só verificar quais empresas compraram ações as vésperas da operação ….muitas surpresas poderão surgir.
    Muita gente ascendeu socialmente durante os governos do PT o Juiz Moro veio para restabelecer a ordem. Os novos ricos incomodam, daí a LIMPEZA SOCIAL que o ódio desmedido do Moro demonstra contra o Lula.
    Mesmo assim ele se Kgo nas calças com medo de interrogar pessoalmente o Lula. Para quem viu o interrogatório do Zé Dirceu onde vemos um Juiz parecendo mais um estagiário de direito fazendo perguntas ridículas e fora de contexto …fica claro que o Moro foi abduzido pelo medo de ser ridicularizado pelo Lula há que considerar que o interrogatório do Lula a exemplo do Dirceu teria sido gravado e em pouco tempo estaria nas redes sociais. Eu tenho certeza que o Lula frente a frente com Moro teria atropelado e desmoralizado o Juiz.
    Para quem acompanhou toda a operação pode notar que havia sim um avião da PF aguardando o embarque de “alguém” cujo nome começa com lu e termina com la.