Dilma denuncia ‘golpe paraguaio’ à imprensa estrangeira

Presidente Dilma Rousseff (PT) denunciou nesta quinta-feira (24) à imprensa estrangeira o 'golpe paraguaio' em marcha no país; entrevista coletiva foi concedia a jornais dos EUA, Inglaterra, França, Espanha, Argentina e Alemanha; Dilma disse que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), não tem legitimidade para conduzir o processo de impeachment por que é réu no Supremo Tribunal Federal (STF); ela também reafirmou que lutará, dentro da legalidade, para barrar o golpe contra a democracia.

Presidente Dilma Rousseff (PT) denunciou nesta quinta-feira (24) à imprensa estrangeira o ‘golpe paraguaio’ em marcha no país; entrevista coletiva foi concedia a jornais dos EUA, Inglaterra, França, Espanha, Argentina e Alemanha; Dilma disse que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), não tem legitimidade para conduzir o processo de impeachment por que é réu no Supremo Tribunal Federal (STF); ela também reafirmou que lutará, dentro da legalidade, para barrar o golpe contra a democracia.

A presidente Dilma Rousseff (PT) denunciou nesta quinta-feira (24) à imprensa estrangeira o ‘golpe paraguaio’ em marcha no país.

A petista concedeu entrevista aos jornais The New York Times (EUA), The Guardian (Inglaterra), Le Monde (França), El País (Espanha), Página 12 (Argentina) e Die Zeit (Alemanha).

Dilma disse que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), não tem legitimidade para conduzir o processo de impeachment por que é réu no Supremo Tribunal Federal (STF).

A presidente denunciou o caráter fascista do golpe e anunciou resistência: “Por que querem minha renúncia? Por que sou uma mulher fraca? Não sou.”

Dilma Rousseff reafirmou sua disposição de lutar, dentro da legalidade, para barrar o impeachment na Câmara. Ela também acusou os oposicionistas de utilizarem de jogarem contra o país e defendeu a ida de Lula para a Casa Civil.

12 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I simply want to tell you that I am very new to blogging and site-building and actually savored your blog. Likely I’m planning to bookmark your site . You absolutely have very good articles. Appreciate it for sharing with us your website.

  2. Querem implantar no Brasil um regime similar ao do pobre PY !

  3. Verdade tem que ser dita ao mundo que ta acontecendo presidenta Dilma Russet os golpistas corruptos pra não ser investigado querem seu Impeachment Dilma Rousseff | justiça tem que ser feita não ao golpe e viva democracia.

  4. Dilma foi perseguida na ditadura. É uma mulher forte, mas Cunha e seus aliados não deixam governar. É um complô. Formado pela Rede Globo da Família Marinho, aqueles que construíram seu império midiático em plena ditadura. Agora querem de novo, de mãos dadas com um judiciário golpista, e com políticos corruptos. Viva Dilma, viva a democracia. Não vai ter Golpe!!!

  5. Hoje vi que o deputado Eliel Machado está na comissão do impitman, no Blog Conversa Afiada, ele é um indeciso, acho que se ele decidir pelo impitmam da Dilma será um deputado de um mandato só, vai dá um tiro no pé. Não tem coerência, principalmente por ele ter sido eleito pelo partido PC do B. Duvido que se ele tomar esta atitude as pessoas que votaram nele, vote novamente.

    • ja votei nesse pia duas caras, achei que ele tinha atitude e personalidade. Ledo engano é um hipócrita sem princípios igual aos outros, pula de galho em galho visando sempre aquele que melhor o convêm, nem meu, nem de meus colegas e familiares ele leva os votos.

  6. Caberia um questionamento judicial, não é possível termos um juiz que detona um país no intuito de gerar os argumentos para pôr Lula na cadeia, em conluio com a FIESP, destruiu a economia brasileira, levou milhares de empresários a banca rota, jogou milhões de brasileiros na rua, provocou um prejuízo TRILIONÁRIO aos cofres públicos…ao passo que anos antes diante do escândalo do BANESTADO 12 vezes maior o Moro nada tenha feito. É flagrante o crime de Lesa Pátria

  7. Vencendo os golpistas.

    Agora é detonar os corruptos de partidos diversos que Moro não quer nem saber, e fazer um governo de gente normal. Comece com Ciro e Requião.Ahhhh e dê mais atenção ao merecedores blogueiros. Se não existissem a gente nem saberia que houve um golpe.

    Quanto aos fascinoras do congresso é culpa do povo mesmo.

  8. Sou Dilma até o fim e esses golpistas respeitem o meu voto.