Alep em chamas: Neo-socialistas traídos pelo neotucano Stephanes Jr

Stephanes Júnior, 1º suplente de deputado, deu um "nó" nos colegas Alexandre Curi e Luiz Cláudio Romanelli; eles combinaram sair juntos do PMDB, rumo ao PSB, mas, no meio do caminho, o "deputado do canudinho" preferiu agasalhar-se no ninho tucano; "traição" de Stephanes bagunça composição de comissões permanentes na Assembleia Legislativa, por isso os “chifrados” estudam medidas para "tomar" cadeira do parlamentar; “Você pagou com traição/ a quem sempre lhe deu a mão”, cantam os neo-socialistas Curi e Romanelli, com a assistência do deputado Requião, do PMDB, que já se estranhou com o neotucano.

Stephanes Júnior, 1º suplente de deputado, deu um “nó” nos colegas Alexandre Curi e Luiz Cláudio Romanelli; eles combinaram sair juntos do PMDB, rumo ao PSB, mas, no meio do caminho, o “deputado do canudinho” preferiu agasalhar-se no ninho tucano; “traição” de Stephanes bagunça composição de comissões permanentes na Assembleia Legislativa, por isso os “chifrados” estudam medidas para “tomar” cadeira do parlamentar; “Você pagou com traição/ a quem sempre lhe deu a mão”, cantam os neo-socialistas Curi e Romanelli, com a assistência do deputado Requião, do PMDB, que também já se estranhou com o neotucano.

Você pagou com traição/

a quem sempre lhe deu a mão”

Não chamem os deputados Alexandre Curi e Luiz Claudio Romanelli para a mesma mesa do suplente empossado Stephanes Júnior, pois pode dar samba — no pior sentido — como aquele da torcida jovem do Flamengo.

Todos ex-PMDB, os parlamentares combinaram de embarcar juntos na canoa socialista — o PSB. Entretanto, para surpresa geral da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), Stephanes traiu o grupo na undécima hora ao ingressar no ninho tucano. No sábado, o “deputado do canudinho” (em alusão ao projeto dele mais famoso quando era deputado) assinou ficha no PSDB.

Romanelli e Curi estão surtados porque isso impacta na composição das comissões permanentes na Assembleia. Os dois parlamentares articulam, inclusive, a volta à  Assembleia do deputado Artagão Júnior — que foi catapultado para a Secretaria de Justiça — para tomar o cargo do “deputado do canudinho”.

Na Assembleia, hoje à tarde, Curi e Romanelli prometem batucar olhando nos olhos de Stephanes Júnior: “Você pagou com traição/ a quem sempre lhe deu a mão”; o deputado Requião, do PMDB, também pode entrar no samba.

3 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Todos se merecem. Mas quem engana o enganador tem perdão do Criador. O Romanelli está tomando o veneno que fez os professores tomarem. Depois o lixo é o Lula a Dilma,… Se um dia o Sergio Globo decidir ser sério e investigar o governo do Paraná e da Assembleia paranaense ele poderá conseguir algum prestígio. Se bem que nem sei porque estou perdendo meu tempo para falar de Sergio Globo, Romanelli, Alexandre Cury,Stephanes, Beto Lixo…..

  2. HEI AJUDA AÍ ESMAEL A VELHA MÍDIA, A MÍDIA PODRE TÁ CHAMANDO O RECURSO DO LULA DE HABEAS CORPUS.