Coluna do Jorge Bernardi: Governo Richa e o cartel do pedágio

pedagio

Em sua coluna deste sábado (13), o vereador Jorge Bernardi (REDE) fala sobre o cartel do pedágio que se instalou no Paraná no governo de Jaime Lerner e segue até hoje explorando quem passa pelas rodovias federais no Estado. O vereador aponta o absurdo da tarifa, das obras não executadas, e questiona as reais intenções do governador Beto Richa (PSDB) que deseja prorrogar os contratos com as concessionárias por mais 24 anos. Leia, ouça, comente e compartilhe.

Download áudio

Jorge Bernardi*

Pior que os capitalistas que nos compram são os governantes que nos vendem. Em várias setores da administração pública, onde serviços, deveriam ter caráter público, são explorados por grupos financeiros empresariais, que formam cartel, com só um objetivo: o lucro fácil.

O pedágio é um destes exemplos. Com pode os valores serem tão inconsistentes? De Curitiba a Paranaguá, R$ 18 reais, percurso 90 km; Curitiba a Balneário Camboriú, R$ 1,90 x 3, ou R$ 5,80, percurso 200 km (Rodovias 376 e 101). Há algo de estranhos e incompreensível nesta equação.

O transporte coletivo, a coleta do lixo, iluminação pública são outros exemplos desta exploração a que estão submetidos os brasileiros. O objetivo destes grupos não é oferecer aos usuários serviços de qualidade, mas usufruir lucros e mais lucros.

Em todo o Brasil, o pedágio mais caro e o mais predatório a economia popular, é do Paraná, que foi implantado em 1997, pelo Governo Jaime Lerner. O chamado “Anel de Integração” foi um verdadeiro engodo à população paranaense, com 2.500 km de rodovias federais e estaduais concedidas a um grupo de seis empresas que, por 24 anos, estão a explorar milhares de usuários.

Os governos que sucederam a Lerner, começando com Requião, nada fizeram para mudar esta realidade a não ser discursos. Os órgãos que deveriam fiscalizar, pouco fazem para defender os interesses dos usuários: DENIT e DER-PR, não possuem a menor credibilidade junto a opinião pública. Frequentemente estes entes são envolvidos em denúncias de corrupção.

As obras de manutenção executadas pelas pedageiras não terminam nunca. São executadas numa velocidade de fazer inveja as tartarugas, principalmente às vésperas de feriados, quando aumenta o tráfego. As concessionárias fazem questão que interromper a rodovia, causando transtornos a milhares de pessoas, para demonstrar que estão trabalhando. Me engana que eu gosto.

Faltando 5 anos para o fim da concessão no Paraná, as empresas e o Governo Beto Richa, querem prorrogar o pedágio por mais 24 anos, sob a alegação de que agora vão duplicar as rodovias, coisas que deveriam ter feito há uma década.

Estudos da Federação das Indústrias apontam que as rodovias já deveriam estar duplicadas e o valor do pedágio ser menor da metade do atualmente cobrado. Qual o interesse do Governo Beto Richa de renovar a concessão do pedágio no Anel de Integração? Pedágio a R$ 1,90 como nas BRs 376 e 101, nem pensar, dizem as concessionárias. Renovar só para manter os privilégios dos exploradores.

*Jorge Bernardi, vereador de Curitiba (Rede), é advogado e jornalista. Mestre e doutorando em gestão urbana, ele escreve aos sábados no Blog do Esmael.

Na imagem foi utilizada uma charge de Paixão para a Gazeta do Povo. 

10 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Salvo engano, na sexta-feira ou no início da próxima semana, o CELERADO BETORINCHA, estará em Ponta Grossa para entregar 3 ou 4 quilômetros de rodovias, pergunto:- Este serviço não era prá ser bancado por esta quadrilha de pedageiras?

  2. Até um aluno de primeiro grau entende porque o pedágio privatizado e todos os serviços privatizados tem um preço cinco vezes um serviço estatal.O lucro. Antes da privataria o valor de tudo era 5 vezes menos, no minimo. Pois com os telefones, antes não havia necessidade de lucro, e hoje o preço é umas 10 vezes mais.

    Sem contar a captura.
    A ANATEl não serve pra nada. Cada usuário não poderia processar as empresas em cada roubo. São ladras. Posso provar ao menos no caso de uma. A ANATEL lavou as maos. Preciso de todas as gravações para processar.A NXT quer os horários e segundos em que fui atendida. Só tenho as datas. Ela não envia as gravações, e nsi me da resposta. A protetora tambem não.

  3. ESMAEL, EU GOSTARIA QUE BETO RICHA,QUE ELE FOSSE PARA RIO GRANDE DO SUL. PARA ELE VER RODOVIAS ÓTIMO SEM PEDÁGIO. MAS QUE VÁ DE CARRO, COMO PODE NO PARANA TANTO PEDÁGIO, ISSO DA ATÉ REVOLTA, COM FIRA ESMAEL, ANDEI QUASE 2000 KM , E PAQUEI UM PEDÁGIO NA ENTRADA DE GRAMADO

  4. Com o preço do Pedágio e com o aumento no ICMS no estado hoje em dia compensa muito mais ter empresa em SC que no PR, infelizmente nosso governantes não pensam em nosso Povo, mas sim em ganhar mais impostos e ajudar seus financiadores de campanhas os “amigos”…

  5. Sempre assim, ano de eleições aparecem deputados, vereadores e outros mais criticando isso aquilo e apontando culpados. De fato não vão mudar nada o que mais querem é aparecer pra ser lembrado nas eleições! O negócio é não votar em nenhum destes tralhas que não fazem nada, só sigam o nosso dinheiro em benefício próprio.

  6. É uma verdadeira vergonha os governantes são ruins por natureza e chegam ao poder para estragar o que funciona a exemplo colocam alguns dinossauros que se escondem em diretorias, assessorias e outras situações para auxiliar em suas empreitadas.

    O pedágio é o verdadeiro exemplo da pouca vergonha quem defende estas empresas de concessão do Paraná com certeza são beneficiados basta avaliar o valor cobrado em Santa Catarina rodovia duplicada com muitas rochas e outras adversidades o preço é 10% das do Paraná – R$ 1,80.

  7. Ué, mas na campanha ao governo ele dizia que o Requião não sabia lidar com os pedagieiros, que ele era o bam bam bam da negociação, que ia dar um jeito de deixar bem baratinho o pedágio!

  8. cliquei no link, esperando ler algo de novo, uma proposta qualquer, uma luz no fim do túnel, uma crítica documentada… vã esperança… só mais blablablá… o vazio apenas aumenta… decepção…

    • ue? onde que alguem que votou em aecio, richa rossoni e traiano, como vc fez, pode esperar novidades? so pode esperar a mesma corrupcao e incompetencia de sempre.