Por Esmael Morais

Beto Richa será recepcionado às 11h deste sábado com protesto de professores em Ponta Grossa

Publicado em 13/02/2016

O protesto de logo mais é organizado pelo Sindicato dos Docentes da Universidade Estadual de Ponta Grossa (Sinduepg) e pelo Núcleo Sindical de Ponta Grossa (APP-Sindicato). A frente política trabalha com a hipótese de o governador não comparecer para fugir dos manifestantes.

“As balas de borracha, o spray de pimenta e toda a violência que sofremos nunca será esquecida”, afirmou a presidente da APP-Sindicato de Ponta Grossa, Vera Rosi Lopes.

O presidente do Sinduepg, Marcelo Bronoski, também destacou que o objetivo fazer com que o governador relembre os atos cometidos em relação aos professores.

“Os servidores não esqueceram as barbaridades cometidas pelo governo Beto Richa. Amanhã vamos lembrar o governador do que ele fez com os servidores ano passado”, disse.

O município de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, fica a 110 km de Curitiba.É o quarto maior do Paraná com cerca de 340 mil habitantes.

Com informações do blog da Mareli Martins.